NFL

New York Giants não exerce opção no contrato de Jonathan Stewart

Jonathan Stewart, running back da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

O New York Giants escolheu não exercer a opção no contrato do running back Jonathan Stewart até o prazo final desta quarta-feira (6).

A informação foi apurada em primeira mão pelo ‘The Athletic’ e confirmada pelo jornalista Jordan Raanan, da ‘ESPN’ norte-americana.

Essa decisão era esperada depois que Steward disputou apenas três jogos na temporada 2018 e somou pífias 17 jardas em seis carregadas de bola. Ele sequer chegou a ser ativado da injured reserve pela equipe mesmo estando saudável na reta final da temporada.

Stewart ia ‘pesar’ US$ 3,2 milhões no salary cap em 2019.

O general manager Dave Gettleman fechou com Stewart na temporada passada um contrato de dois anos, com valor de até US$ 6,575 milhões. O acordo tinha um bônus opcional de US$ 500 mil e um salário-base de US$ 2,35 milhões para a próxima temporada.

Atualmente com 31 anos de idade, Steward passou as primeiras dez temporadas de sua carreira profissional vestindo a camisa do Carolina Panthers, time que o selecionou na primeira rodada do draft de 2008, com a 13ª escolha geral.

Gettleman tinha familiaridade com Stewart depois que os dois trabalharam juntos na organização da Carolina do Norte e o GM esperava que a presença de um veterano experiente como Stewart seria benéfica para o vestiário.

O papel de Stewart nos Giants foi mínimo, em parte porque o time selecionou o talentoso running back Saquon Barkley com a segunda escolha geral do draft.

Quando Stewart estava saudável, Barkley e Wayne Gallman estavam à sua frente na lista de running backs.

Em 134 partidas de temporada regular na carreira, Jonathan Stewart soma 1.705 corridas para 7.335 jardas e 51 touchdowns, além de 162 recepções para 1.295 jardas e sete TDs.

Comments
To Top