NFL

Minnesota Vikings não exerce opção de 2017 em contrato de Adrian Peterson

Adrian Peterson, running back da NFL

(Crédito: Instagram/reprodução)

O Minnesota Vikings optou por não exercer a opção para 2017 no contrato de Adrian Peterson, como anunciou a franquia nesta terça-feira (28). Desta forma, o camisa 28 será um agente livre irrestrito a partir do dia 9 de março.

Peterson, que reestruturou seu acordo com a equipe antes da temporada 2015, tinha uma opção para 2017 que o teria pago US$ 18 milhões, incluindo um bônus de elenco no valor de US$ 6 milhões para o caso de ele estar no elenco no terceiro dia do ano novo da NFL, que começa em 9 de março.

“Foram 10 grandes anos com o Minnesota Vikings. Eles sabem o que eu trago para a organização como jogador, com minha ética de trabalho e dedicação. Eu conversei com Rick Spielman (general manager dos Vikings) neste último final de semana. A porta ainda está aberta para algum acordo. Eu compreendo que resolver a situação da linha ofensiva é uma das principais prioridades deles nesta offseason”, falou Peterson, em comunicado enviado à jornalista Josina Anderson, da ‘ESPN’ norte-americana. “Enquanto isso, vou explorar minhas outras opções e ver por qual caminho Deus me leva. Meu objetivo principal segue o mesmo: vencer um Super Bowl com um grande time, que eu também acredito que temos em Minnesota”, completou.

O GM da franquia de Minneapolis também se pronunciou.

“Adrian é uma parte importante da organização Minnesota Vikings. Nós vamos continuar a conversar com seus representantes e deixar nossas opções futuras em aberto enquanto determinamos o que é melhor para ambas as partes daqui em diante”, observou o dirigente.

A notícia de que os Vikings não vão exercer a opção para 2017 não chega a ser uma surpresa, visto que o running back atuou em apenas três jogos na temporada passada, devido a uma ruptura no menisco, e completa 32 anos de idade no mês que vem. Ainda há a possibilidade de a franquia tentar acertar uma reestruturação de contrato antes do dia 9 de março ou então de fechar um novo contrato na free agency.

Na temporada 2016, Peterson correu apenas 37 vezes para 72 jardas. Ele sofreu a grave lesão no joelho no dia 18 de setembro e retornou três meses depois para enfrentar o Indianapolis Colts, no dia 18 de dezembro. Porém, ele ainda perdeu os dois últimos jogos da equipe devido a um problema no músculo adutor sofrido contra os Colts.

Adrian Peterson é o 16º running back da história da liga em jardas corridas, com 11.747 somadas na carreira. Porém, ele não conseguiu correr mais de 40 vezes em duas das últimas três temporadas devido às lesões e a uma suspensão.

Em entrevista recente à ‘ESPN’, Peterson deixou claro que gostaria de continuar no Minnesota Vikings, mas que consideraria times como Houston Texans, New York Giants e Tampa Bay Buccaneers durante a free agency.

Comments

Popular

To Top