NFL

Mike Williams pode precisar passar por cirurgia que o deixaria fora da temporada

Mike Williams, wide receiver do Los Angeles Chargers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O wide receiver Mike Williams, calouro do Los Angeles Chargers, pode precisar passar por uma cirurgia nas costas, em sua hérnia de disco, e esse procedimento obrigaria o jogador a perder toda sua primeira temporada na National Football League em 2017. A informação foi apurada pelo jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana.

Recentemente, Williams recebeu uma segunda injeção epidural em sua hérnia de disco, em um último esforço para ver se o atleta poderá estar pronto em algum momento do training camp, mas os Chargers estão se preparando para o caso de o recebedor não estar pronto.

O time ainda tem a esperança de o novato responder bem à segunda injeção, mas a franquia californiana sabe que existe uma chance de isso não ocorrer. Caso isso se concretize, o wideout precisaria ir para a mesa de operações e perderia toda a próxima temporada.

“Isso pode ser muito mais grave do que as pessoas pensavam”, disse uma fonte consultada pela ‘ESPN’ e com conhecimento da contusão.

Ian Rapoport, jornalista da ‘NFL Network’, aponta contudo que uma cirurgia nas costas era uma opção que estava sobre a mesa há três ou quatro semanas. Porém, segundo duas fontes consultadas por ele, a possibilidade de operação não está sendo considerada neste momento e Williams está evoluindo.

De acordo com Mike Garafolo, também da ‘NFL Network’, Mike Williams provavelmente vai iniciar o training camp na lista de jogadores sem condições físicas de desempenhar (PUP list).

Mike Williams foi diagnosticado com hérnia de disco depois de seu primeiro treinamento durante o minicamp de calouros e não voltou a treinar. Anthony Lynn, técnico dos Chargers, disse aos jornalistas na offseason que esperava que as costas do jovem melhorassem o suficiente com descanso para ele estar pronto para o camp.

Williams teve alguns resultados positivos derivados da segunda injeção epidural, mas ainda há muitas preocupações em relação a como suas costas estarão neste meio de ano.

O Los Angeles Chargers não tem certeza sobre quando Williams lesionou inicialmente as costas, mas uma fonte afirma que é possível que o calouro já estivesse lesionado durante o combine e o pro day, mas o recebedor teria conseguido esconder bem o suficiente para que isso não afetasse sua posição no draft.

Mike Williams foi selecionado na primeira rodada do draft de 2017, com a sétima escolha geral, e se apresentou aos Chargers com o problema nas costas.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top