NFL

Mike Tomlin: Martavis Bryant não está disponível para ser trocado

Mike Tomlin, técnico do Pittsburgh Steelers

(Crédito: Twitter/reprodução)

Martavis Bryant expressou seu descontentamento publicamente nesta terça-feira (24), em entrevista à jornalista Josina Anderson, da ‘ESPN’ norte-americana, e disse que deseja sair do Pittsburgh Steelers se for para ele não ser utilizado. Mas a franquia não está mordendo a isca, aparentemente.

O técnico Mike Tomlin reiterou que os Steelers não têm intenção de trocar o camisa 10.

“Nós investimos muito em Martavis desde que o draftamos. Ele não está disponível via troca. Nós investimos muito”, observou o head coach.

O wideout tem ficado frustrado com seu pouco espaço no ataque de Pittsburgh neste ano, depois que ele voltou de uma suspensão de uma temporada inteira. No atual campeonato, em sete jogos, ele fez apenas 18 recepções em 36 bolas lançadas em sua direção para 234 jardas e um touchdown.

Nas últimas duas semanas, ele tem perdido ainda mais espaço. Na vitória do último domingo sobre o Cincinnati Bengals, Bryant esteve em campo em apenas 34 jogadas ofensivas. Nos últimos dois jogos do time (vitórias sobre Kansas City Chiefs e Bengals), ele combinou para somente três recepções para 30 jardas.

A falta de produtividade levou inclusive Martavis Bryant a descarregar sua fúria nas redes sociais, criticando o wide receiver JuJu Smith-Schuster, seu companheiro de equipe, em uma postagem que foi apagada posteriormente. E ele pediu para ser trocado nesta mesma publicação.

Tomlin frisou que conversaria com o recebedor sobre publicações nas redes sociais. Vale lembrar que Martavis não esteve presente na reunião do time na última segunda.

“Nós já tratamos de muita coisa. É óbvio que ainda temos mais coisas a fazer com ele porque estávamos tendo uma conversa sobre ele que não é relacionada ao futebol americano. Mas nós temos, ele fez muito no período de tempo em que esteve aqui em termos de melhorar, não apenas como jogador mas como homem. Mas ainda temos um caminho a percorrer. Ele saiu dos limites com algumas de suas ações, em termos das coisas que ele disse nas redes sociais”, observou o técnico.

O quarterback Ben Roethlisberger sugeriu em sua participação na rádio ‘93.7 The Fan’ nesta terça que Bryant precisa conversar com ele em vez de usar outros métodos, tais como as redes sociais, para expressar sua frustração.

“Venha falar com seu quarterback. E é isso que estou dizendo. Eu não quero me estender demais porque eu e ele não (conversamos). Ontem, tivemos uma longa conversa sobre mensagens de texto e coisas assim. Ele estava me falando sobre suas frustrações e o que quer que seja e eu disse a ele, e ele me falou que conversou com os treinadores e tal, mas algo que você não fez é falar comigo. Como eu posso ajudá-lo? Como descobrir uma maneira, um plano de jogo, que eu como quarterback posso falar com você e ajudá-lo, talvez falar sobre um problema que você tem. Seja o que for, vamos resolver isso juntos. Porque ele é um excelente companheiro de equipe. Eu sei que parece louco e vocês podem estar virando os olhos, mas ele é. Ele é um bom companheiro de equipe. Nós apenas precisamos conversar e resolver”, afirmou Big Ben.

Comments

Popular

To Top