NFL

Michael Thomas não treina no New Orleans Saints devido a uma lesão no tornozelo

Michael Thomas, wide receiver do New Orleans Saints

(Crédito: Twitter/reprodução)

O New Orleans Saints pode ter um desfalque muito importante em seu ataque nesta semana. O wide receiver Michael Thomas não participou do treinamento desta quarta-feira (5), segundo o relatório oficial de lesões da franquia da Louisiana, devido a uma contusão no tornozelo.

Thomas vem sendo um dos wide receivers mais produtivos em toda a NFL nesta temporada. Em 12 jogos, o camisa 13 fez 91 recepções para 1.120 jardas e oito touchdowns.

Nos últimos dois jogos, contudo, Thomas foi limitado a apenas nove recepções para 78 jardas, com as defesas adversárias voltando toda a sua atenção na marcação sobre ele.

Uma lesão no tornozelo complica as coisas para o wideout, mas os Saints estão bem o suficiente na classificação para não precisarem acelerar a volta do WR caso ele não esteja realmente bem.

Os Saints enfrentaram dificuldades na posição de wide receiver nesta temporada, buscando constantemente opções complementarem. A equipe comandada pelo técnico Sean Payton chegou a contratar Dez Bryant antes de ele sofrer uma ruptura no tendão de Aquiles em um de seus primeiros treinos com o time, e depois trouxeram Brandon Marshall.

O calouro Tre’Quan Smith também vem contribuindo bem mais do que o esperado.

Apesar disso, Thomas é o alvo preferido do quarterback Drew Brees e sua ausência faz o camisa 9 ter muito menos alvos confiáveis.

Em uma notícia mais positiva do departamento médico, o left tackle Terron Arsmtead treinou de forma limitada nesta quarta. O jogador de linha ofensiva perdeu os últimos três jogos devido a uma lesão no músculo peitoral.

Com Armstead na posição de left tackle, os Saints cederam pressão em cima de Brees em apenas 15,3% dos dropbacks (48 pressões totais) entre as semanas 1 e 10 da temporada, segundo o Next Gen Stats. Já sem Armstead na linha ofensiva, esse número subiu consideravelmente para 22,9% dos dropbacks (19 pressões) entre as semanas 11 e 13.

Comments
To Top