NFL

Melvin Gordon pode jogar contra Miami Dolphins; veja boletim de lesões para a semana 4

Melvin Gordon, running back do Los Angeles Chargers

Melvin Gordon retornou ao Los Angeles Chargers na última quinta-feira e, oficialmente, pôs fim ao sei boicote de mais de 60 dias. E, agora, o running back tem a chance de voltar a jogar já neste final de semana contra o Miami Dolphins, em duelo válido pela semana 4 da temporada 2019 da National Football League.

Anteriormente, parecia que era improvável que Gordon fosse retornar aos gramados já nesta semana.

“Eu disse o tempo todo que há uma chance. Ele pareceu bem. Ele está em boa forma, mas não vinha praticando futebol americano, então obviamente ele não está pronto para voltar lá e assumir toda a carga agora, mas você nunca sabe, ele pode precisar”, declarou o técnico Anthony Lynn aos jornalistas nesta sexta-feira (27).

O pensamento inicial era que, vindo de um boicote de 64 dias, Gordon não atuaria neste domingo. Mas a verdade é que os Chargers estão enfrentando problemas no seu grupo de RBs.

Justin Jackson foi descartado para o embate contra os Dolphins, devido a um problema na panturrilha, e foi visto usando uma bota protetora no treino desta sexta. Ao lado de Austin Ekeler, Jackson ajudou a carregar o piano enquanto Gordon se mantinha afastado em meio à sua disputa contratual.

“Nós fazemos o que precisamos para vencer. Na maior parte, acho que ficarei bem”, falou Gordon aos repórteres, ao ser questionado se estaria pronto para jogar caso fosse chamado.

E Lynn acrescentou: “nós entendemos que Melvin está de volta há um dia e meio, então temos que ter cuidado com a questão de se ele vai jogar, o quanto vai jogar e se ele jogou”, frisou.

Os Chargers estão tentando se recuperar após um início de temporada 1-2. E o jogo desta semana talvez seja o ideal, já que o Miami Dolphins é o atual saco de pancada da NFL, com 0-3. Mesmo assim, os Chargers não vencem em Miami desde 1982.

Ainda que não esteja decidido por enquanto se ele jogará neste final de semana ou só retornará aos gramados na semana 5, Gordon apenas quer focar agora na temporada que está pela frente e deixar seu boicote no passado.

“Nada saiu disso, então eu tento não pensar. Não há contrato, então não tem nada realmente sobre o que falar. Tudo o que posso fazer é ir, jogar bola e meio que deixar minhas habilidades fluírem e determinarem meu futuro”, finalizou.

Em outras notícias do departamento médico dos Chargers, o kicker Michael Badgley (virilha), os tight ends Hunter Henry (joelho) e Virgil Green (virilha), e o wide receiver Mike Williams não vão jogar. Já o wide receiver Travis Benjamin (quadril) foi listado como dúvida, enquanto que o cornerback Casey Hayward (costas) e o linebacker Drue Tranquill (tornozelo) foram listados como questionáveis.

Confira mais notícias de lesões e transações na NFL nesta sexta (27) de semana 4:

– O quarterback Matthew Stafford, um verdadeiro Homem de Ferro na NFL, foi listado no relatório de lesionados do Detroit Lions nesta sexta devido a um problema no quadril. O signal caller então foi designado como questionável para o jogo de domingo contra o Kansas City Chiefs, quando ele pode fazer seu 132º confronto consecutivo como titular.

No treino desta sexta, o QB de 31 anos de idade participou de forma limitada. Vale lembrar que Stafford atuou na temporada passada com uma fratura nas costas e, mesmo assim, não perdeu um jogo sequer.

Stafford soma 131 jogos como titular dos Lions, o que o deixa em sexto na história da NFL no ranking de jogos seguidos como titular por um quarterback e em terceiro entre quarterbacks em atividade, atrás apenas de Philip Rivers (211), do Los Angeles Chargers, e Matt Ryan (150), do Atlanta Falcons.

Matthew Stafford não perde uma partida desde a segunda temporada de sua carreira, em 2010, quando ele atuou em apenas três partidas devido a uma contusão no ombro. Após passar por cirurgia, ele voltou ao ataque dos Lions e faturou o prêmio de NFL Comeback Player of the Year em 2011, dado ao jogador que deu a volta por cima.

Os Lions também anunciaram que o wide receiver Tom Kennedy foi promovido do elenco de treinamento (practice squad) para o elenco ativo.

– No Jacksonville Jaguars, o cornerback Jalen Ramsey tem estado afastado do time enquanto lida com uma doença e uma lesão nas costas, e comparece ao nascimento de sua filha. Mas, após mais uma semana conturbada do defensive back na franquia, ele ainda parece ter chances de jogar no domingo contra o Denver Broncos.

Ramsey, que pediu para ser trocado semanas atrás e reiterou sua postura nesta última quinta, foi listado como questionável no relatório de lesionados. A designação de lesão dele foi “costas/motivos pessoais”. Ele não treinou durante toda a semana, e mesmo assim não foi descartado ou até mesmo listado como duvidoso para o embate contra os Broncos. Estranho.

Também nos Jags, o linebacker D.J. Alexander (músculo posterior da coxa) e o tight end Josh Oliver (músculo posterior da coxa) foram descartados.

– No Indianapolis Colts, o linebacker Darius Leonard foi descartado para o jogo contra o Oakland Raiders, no domingo, enquanto que o wide receiver T.Y. Hilton foi listado como dúvida. A informação foi confirmada pelo técnico Frank Reich.

Leonard, que liderou a NFL em tackles (163) como calouro em 2018, não vem treinando desde que sofreu uma concussão na vitória sobre o Tennessee Titans, na semana 2. Ele vai continuar afastado até passar pelo protocolo de concussão da liga.

Já Hilton lesionou seu quadríceps na primeira metade do duelo contra o Atlanta Falcons, no final de semana passado, mas permaneceu em campo por mais várias jogadas antes de ser levado ao vestiário no final do primeiro quarto. Ele então não participou dos últimos dois quartos.

Hilton disse nesta sexta que ele está “adiantado no cronograma” e que seu quadríceps está “melhor”. Com Hilton sendo dúvida, os Colts promoveram o wide receiver Ashton Dulin do elenco de treinamento (practice squad) para o elenco ativo de 53 jogadores e dispensaram o cornerback Ryan Lewis.

Além de Leonard, Reich acrescentou que o safety Malik Hooker (joelho) e o defensive lineman Tyquan Lewis (tornozelo) também serão desfalques.

– No Tampa Bay Buccaneers, o linebacker calouro Devin White (joelho) foi descartado para o jogo deste domingo contra o Los Angeles Rams. Será o segundo jogo consecutivo em que o jogador selecionado na primeira rodada do draft de 2019 não vai atuar.

O cornerback Jamel Dean (tornozelo), também calouro, é outro que não vai atuar contra os Rams e perder a segunda semana consecutiva de treinos.

– No Green Bay Packers, o wide receiver Davante Adams sofreu uma lesão no dedo do pé durante a derrota para o Philadelphia Eagles, no último Thursday Night Football, e parecia que o problema era sério. Contudo, o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou nesta semana que o recebedor passou por uma ressonância magnética e o problema não parece ser sério. Se Adams perder algum tempo de atividade, não vai ser muito, e o próximo jogo dos Packers será apenas daqui a nove dias.

Em relação ao running back Jamaal Williams, que saiu do jogo de quinta de maca após uma possível lesão na região da cabeça/pescoço, o técnico Matt LaFleur disse que ele já estava em casa depois de passar a noite no hospital sob observação.

– No Atlanta Falcons, o running back Ito Smith (concussão) e o punter Matt Bosher (virilha) vão atuar no domingo, como anunciou o técnico Dan Quinn nesta sexta. Entretanto, o running back Kenjon Barner (concussão/joelho) está fora, como disse Quinn. O treinador ainda acrescentou que a lesão no dedo do pé do defensive tackle Grady Jarrett não é algo que deve limitá-lo.

– No New York Giants, o wide receiver Cody Latimer passou pelo protocolo de concussão. O running back Saquon Barkley (tornozelo), o linebacker Alec Ogletree (músculo posterior da coxa) e o linebacker Tae Davis (concussão) estão fora do jogo de domingo contra o Washington Redskins.

– No Philadelphia Eagles, o cornerback Avonte Maddox foi avaliado na noite da última quinta e diagnosticado com uma lesão no pescoço e uma concussão, como anunciou o time. Os médicos determinaram que era seguro ele viajar de volta com o time após a vitória sobre o Green Bay Packers e, então, passar por mais exames.

Os Eagles também estão trazendo de volta o cornerback Orlando Scandrick, como apurou o jornalista Mike Garafolo, da ‘NFL Network’. Scandrick chegou a ser contratado por Philadelphia em julho, mas acabou sendo cortado. Atualmente com 32 anos de idade, ele atuou em 10 jogos com a camisa do Kansas City Chiefs em 2018, depois de passar 10 temporadas no Dallas Cowboys.

– No Cleveland Browns, o offensive tackle Kendall Lamm (joelho) está fora do jogo de domingo contra o Baltimore Ravens. E a franquia de Ohio tem vários jogadores listados como questionáveis: o safety Morgan Burnett (quadríceps), o wide receiver Rashard Higgins (joelho), o offensive tackle Chris Hubbard (pé), o safety Sheldrick Redwine (músculo posterior da coxa), o cornerback Denzel Ward (músculo posterior da coxa) e o cornerback Greedy Williams (músculo posterior da coxa).

– No Carolina Panthers, o defensive tackle Kawann Short (ombro), o pass rusher Bruce Irvin (músculo posterior da coxa), o pass rusher Marquis Haynes (cotovelo) e o cornerback Donte Jackson (virilha) foram listados como questionáveis para jogar no domingo contra o Houston Texans. O quarterback Cam Newton (pé) e o guard Trai Turner (tornozelo) estão fora.

– No Minnesota Vikings, o linebacker Anthony Barr (virilha) vai voltar no domingo para o importante jogo contra o Chicago Bears, depois de perder a semana 3. O guard Josh Kline (concussão) e o linebacker Kentrell Brothers (punho/músculo posterior da coxa) estão fora, enquanto que o cornerback Mackensie Alexander (cotovelo) foi listado como questionável.

– No Tennessee Titans, o tight end Delanie Walker (joelho) vai jogar no domingo, como disse o técnico Mike Vrabel nesta sexta. O offensive lineman Kevin Pamphile (joelho) está fora.

– No Dallas Cowboys, o wide receiver Amari Cooper (tornozelo) deve estar pronto para jogar no domingo contra o New Orleans Saints, como disse Jerry Jones, proprietário da franquia, em entrevista à rádio ‘105.3 The Fan’.

– No Chicago Bears, o wide receiver Taylor Gabriel (concussão) foi descartado para o jogo de domingo contra o Minnesota Vikings. O técnico Matt Nagy disse que o wide receiver Anthony Miller pode receber mais tempo de jogo contra os Vikings. O defensive tackle Bilal Nichols (mão) é outro que não vai jogar. Já o kicker Eddy Piñeiro (joelho direito), o defensive tackle Akiem Hicks (joelho), o tight end Trey Burton (virilha) e o offensive lineman Kyle Long (quadril) foram listados como questionáveis.

– No Washington Redskins, o tight end Jordan Reed (concussão) e o center Chase Roullier (joelho) foram descartados para o jogo de domingo contra o New York Giants. O wide receiver Terry McLaurin (músculo posterior da coxa) e o guard Brandon Scherff (joelho) foram listados como questionáveis. Os quarterbacks Case Keenum (pé) e Colt McCoy (fíbula) estão fora do relatório de lesionados.

– No Baltimore Ravens, o cornerback Jimmy Smith (joelho), o safety Brynden Trawick (cotovelo) e o linebacker Otaro Alaka (músculo posterior da coxa) foram descartados para o jogo de domingo contra o Cleveland Browns. O tight end Mark Andrews (pé) e o cornerback Marlon Humphrey (quadril) foram listados como questionáveis.

– No Kansas City Chiefs, o tackle Eric Fisher (virilha), o wide receiver Tyreek Hill (ombro) e o running back Damien Williams (joelho) foram descartados para o jogo de domingo contra o Detroit Lions.

– No Buffalo Bills, o running back Devin Singletary (músculo posterior da coxa) foi listado como questionável no relatório oficial de lesionados, assim como o wide receiver Robert Foster (virilha), o offensive lineman Spencer Long (tornozelo) e o wide receiver Isaiah McKenzie (tornozelo).

– No Oakland Raiders, o tackle Trent Brown (tornozelo/joelho) e o offensive lineman Jordan Devey (virilha) foram ambos listados como questionáveis. O wide receiver Dwayne Harris (tornozelo) e o guard Gabe Jackson (joelho) estão fora do jogo contra o Indianapolis Colts.

– O running back Jay Ajayi, atualmente um free agent, informou aos 32 times da NFL que ele está pronto para jogar e recuperado de uma cirurgia no ligamento cruzado anterior do joelho, como noticiou Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Ajayi atuou com a camisa do Philadelphia Eagles em 2018, mas sua temporada se resumiu a 12 jogos devido à contusão.

– O New England Patriots listou sete jogadores como questionáveis para o duelo contra o Buffalo Bills: o defensive end Michael Bennett (ombro), o running back Rex Burkhead (pé), o safety Nate Ebner (virilha), o wide receiver Julian Edelman (peito), o linebacker Dont’a Hightower (ombro), o tight end Matt LaCosse (tornozelo) e o tackle Marshall Newhouse (doença).

– No Seattle Seahawks, o técnico Pete Carroll anunciou que o running back Rashaad Penny (músculo posterior da coxa) terá seu status para o jogo contra o Arizona Cardinals definido no domingo. Penny ficou entre os inativos para o duelo contra o New Orleans Saints na semana 3.

Para conferir todos os relatórios de lesões da semana 4 para os jogos de domingo, clique aqui.

————————————————————————————————————————————————————

Você que chegou até aqui merece uma dica de sucesso. 

Quinto Quarto é um associado da Amazon e oferece o Amazon Prime, com frete grátis de produtos Amazon e mais filmes e séries – como o All or Nothing, que acompanha as temporadas de Carolina Panthers, Manchester City e outras equipes. Clique no link, conheça o produto, que custa apenas R$ 9,90 por mês e ajude o Quinto Quarto no processo. Ainda tem um teste grátis para você que é mais pão duro que os integrantes do Quinto Quarto.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top