NFL

Matthew Stafford deixa claro que pretende ficar no Detroit Lions por muitos anos

Matthew Stafford, quarterback do Detroit Lions

(Crédito: Instagram/reprodução)

O quarterback Matthew Stafford deve ser um dos próximos a receber uma extensão de contrato gigantesca. O camisa 9 do Detroit Lions, que vem de duas das melhores temporadas de sua carreira em 2015 e 2016, pode se tornar o primeiro jogador da história da National Football League a faturar uma média de US$ 25 milhões por ano.

Porém, enquanto esse futuro não tão distante não chega, o signal caller de 29 anos de idade prefere não estabelecer uma meta para que ele sele uma extensão com a franquia de Michigan. O que ele deixou claro nesta terça-feira (18), contudo, é que pretende continuar na equipe que o selecionou com a primeira escolha geral do draft de 2009.

Stafford frisou que a maioria das conversas de contrato até agora foram entre Tom Condon, seu agente, e a diretoria dos Lions. O QB prefere ficar meio longe das tratativas na maior parte do tempo para se concentrar na preparação para a temporada 2017, mas ele reconhece que outros times na liga conseguem pagar altas quantias a quarterbacks de alto nível (como é o caso dele) e ainda formar elencos competitivos.

“Eu sei que a cada ano os times encontram maneiras de colocar bons times ao redor de bons quarterbacks. Você vê isso todos os anos. Então não estou muito preocupado com isso. Eu sei que teto salarial e todo esse tipo de coisa é tão maleável quando você quer que seja”, falou. “Então acho que você simplesmente vai e tenta tomar uma decisão boa não apenas para o jogador, mas também ao time, e segue a partir daí”, continuou.

Ao longo das últimas duas temporadas, Stafford completou 66,3% de seus passes para 8.589 jardas, 56 touchdowns e 23 interceptações.

O camisa 9 é o líder da história da franquia em jardas de passe (30.303) e passes para touchdown (187). Ele também é o detentor do recorde dos Lions em passer rating na carreira (86.8).

Selecionado para o Pro Bowl em 2014, ele é o atual 47º na história da NFL em passes lançados (4.285), o 44º em jardas e o 49º em touchdowns.

Bob Quinn, general manager dos Lions, afirmou durante o NFL Combine que gostaria de ver o quarterback nos Lions a longo prazo. E o próprio atleta deixou claro que o sentimento é recíproco.

“Eu amaria. Vivi momentos muitos bons jogando aqui, gostaria de estar aqui a longo prazo, mas isso ainda tem que ser visto”, declarou.

Stafford observou que não há um prazo fixado para um possível acordo e garantiu que não tem “nenhuma preferência” em assinar um novo contrato antes da temporada 2017 ou depois. O QB deixa tudo nas mãos de seu agente, que tem feito um grande trabalho para ele.

De acordo com dados do site ‘Spotrac’, a estimativa é a de que Matthew Stafford terá faturado mais de US$ 127,2 milhões nos primeiros dois contratos de sua carreira. E um novo acordo gigantesco parece estar se aproximando.

“Ele fez um grande trabalho para mim nas últimas duas vezes, no meu ano de calouro e no segundo (contrato) que assinei, então espero que acertemos algo. Se não fizermos isso, vamos jogar esse ano”, ressaltou.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top