Cachorrada

Marlon Humphrey, do Baltimore Ravens, é preso sob acusação de roubo

Marlon Humphrey, cornerback calouro do Baltimore Ravens

(Crédito: Instagram/reprodução)

O cornerback Marlon Humphrey, do Baltimore Ravens, foi preso sob uma acusação de roubo de terceiro grau na manhã desta quinta-feira (25), segundo o banco de dados da Cadeia do Condado de Tuscaloosa.

Selecionado na primeira rodada do draft de 2017 pelos Ravens, com a 16ª escolha geral, Humphrey foi fichado na Cadeia do Condado de Tuscalooosa sob fiança de US$ 2.500.

O jogador supostamente roubou um carregador avaliado em US$ 15, segundo o relatório policial. O incidente ocorreu no dia 13 de janeiro, no Hotel Capstone, localizado no campus da Universidade de Alabama. Humphrey supostamente havia ingerido álcool, de acordo com o registro policial.

“Marlon nos disse que foi um mal-entendido em relação a um carregador de telefone de US$ 15, que ele achou que era dele. Nosso entendimento é que ele foi entrevistado pela Polícia da Universidade de Alabama e está cooperando. Estamos monitorando a situação”, afirmou o Baltimore Ravens, em comunicado oficial.

Humphrey, que estava andando de Uber com duas mulheres desconhecidas, emprestou um carregador de celular do motorista, mas se recusou a devolvê-lo ao chegar ao hotel, segundo o relatório da polícia.

Posteriormente, o jogador dos Ravens arrancou outros cabos do veículo ao sair e deu uma cotovelada no motorista para afastá-lo enquanto ele tentava pegar de volta o carregador. Humphrey danificou outros bens ao sair do carro e cerrou os punhos, “agindo como se quisesse lutar”, de acordo com a polícia.

A polícia encontrou Humphrey dentro do hotel e disse que o cornerback indicou que o carregador pertencia a ele. Mas os policiais perceberam que o carregador não era compatível com o celular de Humphrey e o devolveram ao motorista de Uber, como aponta o relatório.

Na manhã desta quinta, Humphrey publicou um tweet que dizia: “a vida é boa”.

Em 16 jogos com a camisa dos Ravens em sua temporada de calouro, Humphrey somou duas intercepções e 11 passes defendidos.

O calouro de 21 anos de idade impressionou em sua primeira temporada na NFL e jogou como um dos melhores cornerbacks da liga. A franquia de Maryland ficou impressionado com sua capacidade de cobertura, mesmo jogando contra grandes wide receivers como Antonio Brown, A.J. Green e T.Y. Hilton.

Comments
To Top