NFL

Los Angeles Rams está trocando Robert Quinn com o Miami Dolphins

Robert Quinn, defensive end da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Los Angeles Rams acertou uma troca para mandar o defensive end Robert Quinn para o Miami Dolphins, segundo informações apurada na noite desta sexta-feira (2) pelo jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

A troca não pode ser oficializada antes do dia 14 de março, quando começa o ano novo da National Football League.

De acordo com Rapoport, a troca inclui uma escolha de rodada intermediária do draft indo para Los Angeles e uma inversão de trocas de rodadas avançadas.

Quinn foi notificado da troca durante uma teleconferência com os Dolphins, como acrescenta Rapoport.

Na temporada 2017 da NFL, em 15 jogos com a camisa dos Rams (14 como titular), Quinn somou 8,5 sacks, dois fumbles forçados e 32 tackles combinados.

Selecionado na primeira rodada do draft de 2011 pelo então St. Louis Rams, Robert Quinn soma 62,5 sacks, 20 fumbles forçados e 218 tackles combinados, além de 17 passes desviados, em 95 partidas de temporadas regulares na carreira.

O jogador de 27 anos de idade, que é originário da Universidade de North Carolina, chega para mudar imediatamente o pass rush do Miami Dolphins.

Robert Quinn, que foi duas vezes selecionado para o Pro Bowl em sua carreira, ainda tem dois anos remanescentes em seu contrato, com valor de US$ 24 milhões.

A defesa dos Dolphins, que foi a 16ª contra o passe na NFL no ano passado, agora terá ainda mais potencial para incomodar quarterbacks adversários. Quinn chega para jogar ao lado de Ndamukong Suh e Cameron Wake, compondo um dos grupos de pass rushers mais interessantes da liga, à primeira vista.

Desde 2012, Quinn e Wake têm 16 strip sacks (sack forçando fumbles) cada um, maior marca da NFL, segundo o NFL Research.

A saída de Quinn de L.A. para Miami representa a segunda grande transação feita pelo general manager Les Snead, dos Rams, nesta offseason. Na semana passada, a franquia californiana acertou uma troca com o Kansas City Chiefs para adquirir o cornerback Marcus Peters.

Inicialmente, Quinn foi oferecido aos Chiefs como parte do acordo envolvendo Peters antes de o general manager Brett Veach, de Kansas City, conseguir uma escolha de segunda e uma de quarta rodadas do draft como compensação por Peters.

Comments
To Top