NFL

Le’Veon Bell expressa frustração com seu ‘retrato’ na cidade de Pittsburgh

Le'Veon Bell, running back do Pittsburgh Steelers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O running back Le’Veon Bell, do Pittbsurgh Steelers, fez um desabafo nesta quinta-feira (29) por, aparentemente, uma reação negativa direcionada a ele em Pittsburgh em meio ao seu impasse contratual com a franquia.

O astro, que recebeu no começo deste mês a franchise tag pelo segundo ano consecutivo, utilizou seu Twitter para expressar seu descontentamento.

“É tão difícil ser um herói em uma cidade que te retrata como o vilão”, escreveu.

Le'Veon Bell desabafa via Twitter

(Crédito: reprodução)

No começo desta semana, o general manager Kevin Colbert disse aos jornalistas durante o encontro anual de proprietários da NFL, em Orlando na Flórida, que o Pittsburgh Steelers estava deixando as negociações com Bell de lado neste momento para focar na free agency e no draft de 2018.

Colbert observou que o time vai continuar o diálogo com os representantes de Bell em um futuro não tão distante, mas não há neste momento nenhuma atualização sobre uma renovação contratual.

Bell afirmou à ‘ESPN’ no começo de março que os Steelers aumentaram sua oferta, mas os lados seguem discordando em relação a alguns termos do acordo.

O running back está buscando pelo menos US$ 14,5 milhões por ano ao longo do curso de um contrato de longa duração. Bell já disse que vai considerar permanecer fora do training camp do time pelo segundo ano consecutivo e que até considera ficar fora de jogos da temporada regular de 2018 caso não acerte uma renovação até o meio do ano.

Vale ressaltar que, neste ano, o RB precisaria se reapresentar ao time até a semana 10 do próximo campeonato de forma a ter a temporada contando para efeitos contratuais. Desta forma, ele poderia ficar livre na free agency em 2019.

Colbert disse que rescindir a franchise tag é improvável, mas ele está esperançoso de que Bell estará com o time no training camp, no final de julho.

“Espero que Le’Veon venha para o training camp. Espero que ele seja parte de um time vencedor em 2018. Nós vamos reagir a cada situação tal como ele se apresentar. Mas nunca nos sentaremos e falaremos sobre o que poderia acontecer”, observou o executivo.

Comments
To Top