NFL

Les Snead: Los Angeles Rams e Aaron Donald estão em sintonia nas negociações

Aaron Donald, defensive tackle do Los Angeles Rams

(Crédito: Twitter/reprodução)

O general manager Les Snead, do Los Angeles Rams, deu nesta quarta-feira (8) uma atualização sobre as negociações de contrato com Aaron Donald. O executivo disse que o time e o defensive tackle estão no mesmo “código postal” nas conversas.

“Nós estamos no mesmo código postal, código de área, estádio”, declarou Snead aos repórteres em Baltimore, onde os Rams enfrentam os Ravens nesta quinta-feira (9) à noite, na estreia de ambas as equipes na pré-temporada.

Ao ser solicitado para esclarecer o significado de “código postal” nesse contexto, Snead foi enfático: “eu acho que todos sabemos o que isso significa. Código postal normalmente significa que você está próximo, mas ainda não chegou a um acordo”.

Donald, que atualmente está boicotando os treinos do training camp, não se apresentou ao time nesta última terça (7). Esse era o prazo final para receber crédito de uma temporada acumulada, o que significa que o DT não será um agente livre irrestrito caso não atue na temporada 2018 sob um novo contrato. Em vez disso, Donald seria um agente livre restrito, permitindo que os Rams igualassem qualquer proposta que ele receber de outro time da NFL.

O jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana, apurou na última segunda que Donald não deve se reapresentar ao time em um futuro próximo e o técnico Sean McVay reforçou essa noção quando declarou: “eu não acho que algo vai mudar em relação a isso no futuro próximo”.

Snead disse aos repórteres que os Rams não vão “colocar um prazo final falso” para chegarem a um acordo com o astro de defesa, segundo informações do jornal ‘The Los Angeles Times’.

Donald também não participou do training camp no ano passado e não se apresentou ao time até a véspera da estreia dos Rams na temporada regular. O defensive tackle então ficou fora do jogo da semana 1, mas ainda assim terminou a temporada com 11 sacks e cinco fumbles forçados, desempenho que lhe rendeu o prêmio de Jogador Defensivo do Ano da NFL.

“Nada mudou desde que começamos esse processo. O objetivo ainda é chegar a uma situação vantajosa tanto para o atual MVP defensivo quanto para o Los Angeles Rams, e isso é um contrato de longa duração para Aaron Donald”, frisou Les Snead nesta quarta, de acordo com o ‘Orange County Register’.

Donald deve faturar apenas US$ 6,9 milhões sob o último ano de seu contrato de calouro, mas os rumores são de que o defensive tackle esteja buscando um novo contrato longo que lhe pague na faixa de US$ 20 milhões por temporada.

Esse valor tornaria Aaron Donald o jogador defensivo mais bem pago da história da NFL e seu salário ficaria ranqueado entre salários de quarterbacks.

Comments
To Top