NFL

Lane Johnson fecha extensão de quatro anos com o Philadelphia Eagles; veja boletim de transações

Lane Johnson, right tackle do Philadelphia Eagles

O Philadelphia Eagles renovou com uma peça importantíssima de seu elenco nesta sexta-feira (29). A franquia chegou a um acordo de extensão de contrato com o right tackle Lane Johnson e acertou uma renovação de quatro anos de duração com o jogador de linha ofensiva, um All-Pro.

A extensão tem valor de US$ 72 milhões, como apurou o jornalista Mike Garafolo, da ‘ESPN’ norte-americana. A renovação inclui US$ 54,595 milhões garantidos.

A notícia se dá menos de um mês depois que o general manager Howie Roseman fechou um contrato com Brandon Brooks que o tornou o guard mais bem pago da National Football League. E, agora, com uma média de US$ 18 milhões por ano e o dinheiro garantido supracitado, a equipe também terá o tackle mais bem remunerado em toda a liga.

Se olharmos para a produtividade de Johnson, a renovação é mais do que merecida. Ele é o melhor tackle bloqueador em jogadas de corrida em toda a NFL, segundo a métrica do site especializado Pro Football Focus, e é o 16º melhor tackle em bloqueio de jogadas de passe, permitindo apenas 23 pressões em 387 snaps de passe.

Os Eagles sofreram sem Johnson na semana passada, quando ele não atuou devido a uma concussão. O tackle calouro Andre Dillard tentou ocupar a vaga de right tackle em sua primeira partida como titular na posição na carreira, tanto no profissional quanto anteriormente, mas acabou indo para o banco de reservas no intervalo. Então, o veterano Halipoulivaati Vaitai entrou e também não deu conta do recado.

Agora, os Eagles podem ficar tranquilos. Lane Johnson estará lá na linha nesta semana, já que ele foi liberado para contato nesta semana e treinou normalmente nesta sexta. E estará lá também no futuro da organização.

Confira mais movimentações na NFL nesta sexta (29) de semana 13:

– O cornerback Josh Shaw, do Arizona Cardinals, foi suspenso por tempo indeterminado (até pelo menos a temporada 2020) pela NFL por apostar em jogos da liga em várias ocasiões durante a atual temporada. O anúncio foi feito pela liga nesta sexta.

Shaw não atuou em uma jogada sequer pelos Cards neste ano. Ele foi colocado na injured reserve no dia 25 de agosto devido a uma lesão no ombro.

O defensor pode apresentar uma apelação de sua suspensão dentro de três dias.

A investigação da NFL sobre Shaw não descobriu quaisquer evidências de que ele usou informações privilegiadas ou que qualquer jogo foi comprometido. A liga também anunciou que os companheiros de equipe, treinadores e outros jogadores ao redor da liga não estavam cientes de que Shaw era apostador.

“O sucesso contínuo da NFL depende diretamente de cada um de nós fazermos todo o necessário para salvaguardar a integridade do jogo e as reputações de todos os que participam da liga. No centro desta responsabilidade está o antigo princípio de que apostar em jogos da NFL ou em qualquer elemento de um jogo coloca em risco a integridade do jogo, danifica a confiança do público na NFL e é proibido em todas as circunstâncias. Se você trabalha na NFL em qualquer capacidade, você não pode apostar no futebol americano da NFL”, disse o comissário Roger Goodell, em nota oficial.

Apostar em futebol americano é uma das 10 restrições de apostas legais que a NFL lista em sua política de apostas.

Shaw pode apresentar uma petição para reintegração a partir do dia 15 de fevereiro de 2021, caso sua possível apelação seja negada.

– Após 12 semanas e um bom tempo na injured reserve, o quarterback Drew Lock deve iniciar sua trajetória no Denver Broncos de fato. Ele recebeu todas as repetições no time titular durante os treinos desta semana e tudo indica que, provavelmente, ele sairá da injured reserve e será titular contra o Los Angeles Chargers no domingo.

A informação foi apurada por Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

A notícia não chega a ser uma grande surpresa, visto que a franquia do Colorado já vinha indicando isto há semanas. O head coach Vic Fangio disse aos repórteres mais cedo nesta semana que o calouro receberia mais repetições como um teste para que ele visse como o QB responderia. Ao que parece, os resultados foram satisfatórios.

Caso seja titular, Lock encerrará uma rápida passagem de Brandon Allen como titular, com o reserva de Joe Flacco obtendo uma vitória e duas derrotas em três jogos, com 46,4% de passes completados para 515 jardas, três touchdowns, duas interceptações e um passer rating de 68.3.

– No New England Patriots, o quarto kicker está chegando. O time contratou Kai Forbath, como anunciou a equipe nesta sexta. E, em decisão correspondente, a organização dispensou o kicker Nick Folk.

Forbath é um jogador rodado na NFL desde que entrou na liga como free agent não draftado, em 2011. Ele chutou com as camisas do Washington Redskins, do New Orleans Saints, do Minnesota Vikings e do Jacksonville Jaguars, acertando 120 de 140 field goals e convertendo 94% de seus extra points.

Agora, ele está de volta para entrar na vaga deixada em aberto por Stephen Gostkowski (que sofreu uma lesão e foi para a injured reserve na semana 5), por Mike Nugent (que durou até a semana 9) e por Folk, que segurou a vaga nas últimas semanas, mas precisou passar por uma apendicectomia nesta semana.

– No Atlanta Falcons, depois que o kicker Younghoe Koo enfrentou dificuldades no começo da derrota para o New Orleans Saints, na noite da última quinta, errando um extra point e um field goal, o técnico Dan Quinn anunciou que ele segue no time e não haverá mudança de kickers neste momento.

A franquia da Geórgia também anunciou as dispensas do linebacker Jermaine Grace e do punter Ryan Allen.

– O Green Bay Packers anunciou a chegada do offensive tackle Jared Veldheer. Ele foi titular em 113 jogos em sua carreira de 10 anos na NFL, a maior parte na função de left tackle. Em 2018, ele passou a temporada no Denver Broncos.

Comments
To Top