NFL

LaDainian Tomlinson: “no papel” Chargers são candidatos a título do Super Bowl

Philip Rivers, quarterback do Los Angeles Chargers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Los Angeles Chargers chega à temporada 2018 da National Football League cercado de grandes expectativas. Mesmo não tendo se classificado aos playoffs na temporada passada, a franquia é considerada o “time a ser batido”, segundo palavras do próprio John Elway, lenda e atual general manager do Denver Broncos, rival dos Chargers na divisão AFC West.

Os Chargers tiveram um início com quatro derrotas na temporada 2017, muito devido aos problemas com special teams (mais especificamente com kickers). Contudo, a equipe comandada pelo técnico Anthony Lynn encaixou e venceu seis dos últimos sete jogos, apresentando um ataque de qualidade e uma defesa bastante intensa.

O time reforçou ainda mais sua defesa no draft de 2018, acrescentando o safety Derwin James e o linebacker Uchenna Nwosu.

É verdade que o promissor tight end Hunter Henry não poderá atuar nesta próxima temporada, depois de sofrer uma lesão grave no ligamento cruzado anterior do joelho recentemente, mas as expectativas não devem cair.

LaDainian Tomlinson, lenda da história da franquia e atual comentarista da ‘NFL Network’, compreende por que o talentoso elenco dos Chargers tem aspirações de vencer o Super Bowl na temporada 2018.

“Quando você olha para esse time no papel, não é difícil entender o porquê, porque você tem o melhor quarterback na divisão e um dos melhores na National Football League. A segunda coisa é que essa defesa será chata novamente”, declarou Tomlinson na edição da última quarta (30) do programa NFL Total Access. “Você mantém Jason Verrett saudável na posição de corner, ele e Casey Hayward juntos, ao lado dos defensive ends que temos então você tem o jovem calouro Derwin James. Há muitas razões para gostar do Los Angeles Chargers. E, então, esqueci da posição de recebedor. Nós só temos um dos melhores wide receivers de toda a liga em Keenan Allen”, completou o ex-running back.

Fato é que os Chargers estão em uma posição favorável dento da divisão neste ano. O Kansas City Chiefs e o Denver Broncos estão com quarterbacks novos, enquanto que o Oakland Raiders precisará se ajustar ao trabalho do novo técnico Jon Gruden.

Apesar disso, Lynn não quer alimentar todo o hype que está sendo criado em torno de seu time.

“Isso é assustador. Eu não sei por que todo mundo quer nos coroar de repente. (…) Nós gostamos do nosso time, nós realmente gostamos. Mas, neste momento, quem diabos não gosta do seu time? Todo mundo gosta do próprio time agora”, afirmou o head coach dos Chargers, em entrevista ao jornalista Albert Breer, do site ‘The MMQB’, nesta semana.

Comments
To Top