NFL

Kyle Juszczyk deve ficar fora de quatro a seis semanas; veja mais movimentações na NFL

Kyle Juszczyk, fullback do San Francisco 49ers

O fullback Kyle Juszczyk, do San Francisco 49ers, deve perder de quatro a seis semanas de atividades devido a uma entorse no ligamento colateral medial do joelho esquerdo.

Os Niners anunciaram a lesão e o cronograma de recuperação nesta terça-feira (8), menos de 24 horas depois que Juszczyk sofreu a contusão durante a vitória por 31 a 3 sobre o Cleveland Browns, no Monday Night Football.

Como a contusão não deve afastar o jogador por oito semanas, o fullback deve evitar a injured reserve na esperança de voltar cedo ou tarde.

Com pouco mais de três minutos remanescentes no terceiro quarto do jogo contra os Browns, Juszczyk estava fazendo bloqueio em uma jogada de corrida quando colidiu com o safety Jermaine Whitehead. Juszczyk perdeu o equilíbrio e acabou caindo de forma estranha sobre o joelho esquerdo.

Após o jogo, o técnico Kyle Shanahan indicou que ele achava que era uma entorse em vez de uma lesão mais grave no joelho, que encerraria a temporada do camisa 44 de maneira precoce. No vestiário, Juszczyk disse à ‘ESPN’ que ele não tinha certeza da gravidade do problema, mas observou que passaria por uma ressonância magnética nesta terça.

A lesão é um grande golpe para o ataque dos Niners, que está em quarto na NFL atualmente em jardas por jogo (427,3) e jardas por jogada (6,28), além de liderar a liga em jardas corridas por jogo (200) e ficar em segundo em pontos por jogo (31,8).

No Twitter, Kyle Juszczyk disse que ele voltará em breve.

Confira outras notícias de lesões e transações na NFL nesta terça (8):

– No New York Jets, o quarterback Sam Darnold foi liberado para jogar neste próximo domingo contra o Dallas Cowboys, como anunciou a franquia. O signal caller estava afastado desde a semana 2 com uma mononucleose.

O retorno de Darnold se dá em meio à campanha 0-4 dos Jets, que seguem péssimos no ataque sem seu QB titular. O time nova-iorquino está em último na liga em ataque total, com 179,5 jardas por jogo, e em penúltimo em pontuação, com média pífia de 9,8 pontos por partida.

– Um dia depois de dispensar o kicker brasileiro Cairo Santos, o Tennessee Titans contratou Cody Parkey, ex-Chicago Bears.

Parkey estava tendo dificuldades para encontrar emprego desde seu infame erro na rodada de wild card dos playoffs da temporada passada, quando sua tentativa de field goal que bateu duas vezes na trave acabou selando a eliminação dos Bears para o Philadelphia Eagles.

Apesar disso, não foi apenas esse erro que levou Parkey a ser dispensado pelos Bears. O kicker de 27 anos de idade acertou apenas 76,7% de seus 30 field goals na temporada passada, pior marca de sua carreira, e ainda errou três extra points.

A franquia de Nashville também trouxe os running backs Rod Smith e Dalyn Dawkins.

Os Titans também adicionaram os offensive linemen Daniel Munyer e David Quessenberry ao elenco de treinamento e dispensaram o center Hroniss Grasu do elenco ativo e o wide receiver Papi White do elenco de treinamento.

– No Indianapolis Colts, o running back Darius Leonard, um dos astros defensivos do time, publicou em suas redes sociais que ele foi liberado para retornar, após sofrer uma concussão que o tirou dos últimos três jogos do time.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Big Mood after getting cleared to play again 😎‼️ let’s go! #maniac

Uma publicação compartilhada por Darius Leonard (@mr_highflyer10) em

Os Colts, que estão em meio a uma semana de folga, não fizeram nenhum anúncio oficial por enquanto em relação a Leonard ter passado ou não no protocolo de concussão.

Leonard, que liderou a NFL em tackles (163) como calouro em 2018, sofreu a concussão durante a vitória sobre o Tennessee Titans, na semana 2.

Também nos Colts, o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, noticiou que a franquia está testando Marcus Smith, ex-selecionado de primeira rodada do draft pelo Philadelphia Eagles, depois da lesão grave no tornozelo que encerrou a temporada do pass rusher Kemoko Turay.

Os Colts também anunciaram a contratação do tight end Ian Bunting para o elenco de treinamento (practice squad).

– No Kansas City Chiefs, o nose tackle Xavier Williams é um candidato a ir para a injured reserve, depois de uma entorse severa no tornozelo sofrida durante a derrota para o Indianapolis Colts, no último Sunday Night Football, de acordo com Tom Pelissero, da ‘NFL Network’. O jornalista acrescentou que lesões deste tipo geralmente exigem de quatro a seis semanas de reabilitação.

Já o defensive end Chris Jones será avaliado semana a semana devido a uma contusão na virilha.

E, em meio às contusões de Williams e Jones, os Chiefs estão trazendo o defensive tackle veterano Terrell McClain. O jogador com nove anos de experiência jogou uma parte da temporada 2018 no Atlanta Falcons.

– No Dallas Cowboys, Jerry Jones, proprietário da franquia, expressou seu otimismo de que o left tackle Tyron Smith poderá voltar aos gramados neste final de semana contra o NY Jets. Em entrevista à rádio ‘105.3 The Fan’, o executivo afirmou que a recuperação de lesão no tornozelo de Smith parece “promissora” para a semana 6, mas a equipe vai ver como a semana se desenrola.

Jones também observou que ainda não está pronto para descartar o offensive lineman La’el Collins (joelho) para o jogo deste domingo.

– No Pittsburgh Steelers, o running back Jaylen Samuels deve ficar afastado por cerca de um mês depois de passar por uma astroscopia no joelho, segundo o técnico Mike Tomlin. Samuels soma 133 jardas a partir da linha de scrimmage, com um touchdown, atuando como reserva nesta temporada.

– No Carolina Panthers, o técnico Ron Rivera disse que o quarterback Cam Newton não vai viajar com o time para Londres nesta semana, onde a equipe enfrenta o Tampa Bay Buccaneers.

– O Atlanta Falcons anunciou que promoveu o offensive lineman John Wetzel e o cornerback D.J. White para o elenco ativo. A equipe também colocou o defensive back Johnathan Cyprien, adquirido em troca com o Philadelphia Eagles na semana passada, na injured reserve.

– No Oakland Raiders, o defensive end Arden Key deve perder algumas semanas com uma distensão no tendão patelar, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Key sofreu a lesão durante a vitória sobre o Chicago Bears, em Londres, neste último final de semana.

O time de Oakland também dispensou o wide receiver Marcell Ateman.

– Após a lesão de DeVante Bausby, o Denver Broncos está contratando o veterano Coty Sensabaugh, segundo uma fonte. Sensabaugh atuou pela última vez com a camisa do Pittsburgh Steelers em 2018, onde ele foi titular em 10 dos 15 jogos que disputou.

– O Tampa Bay Buccaneers testou Cyril Grayson, ex-atleta de LSU, como retornador de punts, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– O Detroit Lions testou o wide receiver Quincy Adeboyejo, um free agent, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

Comments
To Top