NFL

Juíza anula condenação de Aaron Hernandez por assassinato

Aaron Hernandez, ex-tight end da NFL

(Crédito: reprodução)

Uma juíza concordou em anular a condenação de Aaron Hernandez por um caso de assassinato ocorrido em 2013, já que o ex-tight end morreu antes de sua apelação ser ouvida. A juíza E. Susan Garsh determinou nesta terça-feira (9) que uma doutrina legal que leva a destituir condenações quando o réu morre antes da apelação foi um precedente obrigatório e que ela se viu obrigada a seguir isso.

Thomas M. Quinn III, procurador do Distrito de Bristol, afirmou que planeja recorrer da decisão e que ele está disposto a levar o caso até o Supremo Tribunal de Massachusetts.

“Apesar do trágico fim de Aaron Hernandez, ele não deve colher os benefícios legais de uma regra antiquada. Os tribunais estaduais e federais de todo o país rejeitaram essa regra antiquada. Massachusetts, na minha opinião, precisa seguir o exemplo”, afirmou Quinn.

Ex-tight end do New England Patriots, Aaron Hernandez se suicidou semanas atrás em sua cela.

Um advogado de Hernandez pediu à juíza para anular a condenação depois que o ex-atleta se enforcou em sua cela. Ele estava cumprindo pena de prisão perpétua depois de ser considerado culpado pelo assassinato de Odin Lloyd, um jogador semiprofissional de futebol americano.

Ursula Ward, mãe de Lloyd, disse que a decisão da juíza não vai afetar sua visão em relação à culpa de Hernandez e ao que aconteceu com seu filho.

“A nosso ver, ele é culpado e ele sempre será culpado. Mas eu sei, sei que um dia vou ver meu filho, e essa é a vitória que eu tenho e vou levar comigo. Estou esperando meu mestre dizer: ‘muito bem, minha boa e fiel serva, e bem-vinda às alegrias do meu reino’. E então será quando verei meu bebê novamente (…) Eu não estou desistindo. Quando (Deus) disser que a batalha terminou, a batalha acabou. Então, estou esperando até que Ele diga para eu desistir”, falou.

Aaron Hernandez morreu cinco dias depois de ser absolvido de outra acusação de assassinato duplo em outro caso de 2012.

A polícia do estado disse em um relatório de investigação que Hernandez foi encontrado nu no dia 19 de abril e pendurado em um lençol amarrado nas barras da janela de sua cela.

Uma autópsia realizada pelo gabinete do médico forense do estado determinou que a causa da morte foi asfixia por enforcamento e que a maneira da morte foi suicídio.

Hernandez, que nasceu em Bristol, Connecticut, jogou futebol americano na Universidade da Flórida e ele foi uma estrela da NFL em suas três temporadas vestindo a camisa do New England Patriots. O então tight end foi cortado pela franquia de Foxborough horas após sua prisão pelo envolvimento no caso de assassinato de Odin Lloyd.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top