NFL

Josh Brown foi citado por violar ordem de proteção em julho de 2015

(Crédito: New York Giants/divulgação)

(Crédito: New York Giants/divulgação)

O kicker Josh Brown, do New York Giants, foi citado em julho do ano passado por uma violação à ordem de proteção que foi emitida logo depois de sua prisão por acusação de violência doméstica. Sob os termos desta ordem, Brown tinha que ficar a um raio de pelo menos 150 metros da casa de sua ex-esposa.

As informações são da ‘ESPN’ norte-americana.

Molly Brown, ex-mulher do kicker, chamou a polícia quando alegou ver o carro do atleta passando por sua casa enquanto ela estava saindo. Este episódio ocorreu no dia 14 de julho de 2015.

Josh Brown foi preso no dia 22 de maio do ano passado e acusado por agressão de quatro grau/violência doméstica. As acusações foram retiradas posteriormente.

Recentemente, a National Football League aplicou uma suspensão de uma partida ao jogador dos Giants por violação à política de conduta pessoal da liga.

Nesta semana, John Mara, proprietário do New York Giants, defendeu a decisão de manter o kicker nesta offseason, frisando que a organização estava ciente da prisão do camisa 3 e que a franquia ficou “confortável” com a opção tomada.

Com a suspensão de uma partida, Brown vai perder a estreia da equipe nova-iorquina na temporada regular, que será no dia 11 de setembro, contra o Dallas Cowboys.

Comments
To Top