NFL

John Elway: não temos mais preocupação com quarterback neste ano

John Elway, vice-presidente executivo de operações e general manager do Denver Broncos

(Crédito: Twitter/reprodução)

Com a decisão de Gary Kubiak de se aposentar, John Elway terá a missão de procurar um novo técnico nesta offseason. Porém, pelo menos em relação à principal posição dentro de campo, o vice-presidente executivo de operações do Denver Broncos parece estar tranquilo.

“Estou empolgado com os quarterbacks que temos. No ano passado, essa era a maior preocupação. Neste ano não é”, declarou o executivo.

Apesar de o ataque não ter tido uma temporada 2016 dos sonhos, estando muito aquém do nível da defesa, por exemplo, Trevor Siemian foi bem em seu primeiro ano como titular da franquia do Colorado. Em 14 jogos atrás do center, o camisa 13 completou 59,5% de seus passes para 3.401 jardas e 18 touchdowns, com 10 interceptações lançadas, o que deu um rating médio de 84.6.

Vale ressaltar que o desempenho do signal caller de 25 anos de idade é ainda mais impressionante se levar em conta a linha ofensiva porosa que o time de Denver teve neste ano e foi um dos setores responsáveis pelas dificuldades ofensivas da equipe. Além disso, o ataque terrestre da equipe sofreu muito no campeonato e foi o sexto pior da liga, com média de apenas 92,8 jardas corridas por partida.

Além de Siemian, os Broncos também contam com Paxton Lynch, quarterback que foi selecionado na primeira rodada do último draft. O camisa 12 teve altos e baixos em três jogos nos quais esteve em campo, mas mostrou que é um talento a ser lapidado, possuindo um bom braço e boa capacidade atlética.

Lynch acertou 59% de seus passes (49 de 83) para 497 jardas, dois touchdowns e uma interceptação em 2016.

Mesmo com Siemian e Lynch no elenco, Elway não descartou completamente a possibilidade de contratar um veterano para a principal posição no ataque, mas deixou claro que está longe de ser uma das prioridades da franquia nesta offseason.

“Nunca diga nunca. Agora, estamos seguindo adiante (com dois jovens QBs), mas sempre estamos de olho em tudo”, garantiu.

John Elway ressaltou que a posição de quarterback será discutida nas entrevistas com os candidatos a técnico, mas disse que a organização não vai exigir experiência trabalhando com ataque ou com jovens QBs aos candidatos a treinadores. O simples critério para o novo técnico será “competir por títulos”.

O vice-presidente de operações e general manager ainda disse que os Broncos pretendem olhar em “três ou quatro” candidatos a técnico. John Elway gostaria de manter alguns membros da comissão técnica de Gary Kubiak, mas nenhum deles será considerado neste momento para o cargo de treinador.

O futuro do coordenador defensivo Wade Phillips, inclusive, ficará a cargo do novo técnico. Phillips está perto do final de seu atual contrato.

Ian Rapoport, jornalista do ‘NFL.com’, noticiou que Vance Joseph, atual coordenador defensivo do Miami Dolphins, e Kyle Shanahan, atual coordenador ofensivo do Atlanta Falcons, estão entre os cotados para substituir Kubiak.

Para Elway, o seu foco na offseason é continuar a melhorar a defesa, mas ele salientou que o ataque precisa carregar metade do peso.

“Temos que melhorar ofensivamente e temos de competir melhor ofensivamente”, afirmou.

Comments
To Top