NFL

Jim Brown expressa otimismo em relação à recuperação de Josh Gordon

(Crédito: Wikimedia Commons)

(Crédito: Wikimedia Commons)

Quando um dos maiores nomes da história do Cleveland Browns fala, os torcedores de Ohio param para ouvi-lo. E, se Jim Brown estiver correto, boas notícias estão chegando para a franquia.

Em entrevista ao site ‘Cleveland.com’, nesta quinta-feira (2), Brown afirmou que conversou duas vezes com o wide receiver Josh Gordon, que ainda cumpre suspensão aplicada pela National Football League, e gostou do que ouviu por parte do atleta.

“Eu falei com Josh duas vezes por telefone e, na última vez que falei com ele, ele pareceu muito motivado, e eu acho que ele estava na reabilitação, sentindo-se bem em relação a isso e descobrindo algumas coisas sobre si mesmo. Ele realmente pareceu pronto para assumir a responsabilidade por si mesmo”, falou o ex-running back, durante um torneio de golfe beneficente da Fundação Cleveland Browns. “Sua maneira de se expressar, a responsabilidade que ele está tomando me fez sentir realmente muito motivado sobre sua chance de voltar”, prosseguiu.

O membro do Hall da Fama do Futebol Americano Profissional (PFHOF) afirmou também que Jimmy Haslam, proprietário do Cleveland Browns, e o técnico Hue Jackson estariam “muito felizes de ter (Gordon) de volta” se ele se adequar às regras da liga.

Jim Brown, que tem muito espaço dentro da franquia com o Hue Jackson como comandante, não deu detalhes sobre o processo de reabilitação, mas disse achar que Josh Gordon estava em casa quando ambos conversaram por telefone.

Josh Gordon foi banido por um ano da NFL em fevereiro de 2015, depois de violar a política de substâncias proibidas pela liga. Em 2014, ele também foi suspenso por 10 jogos pela liga e um pelo time, totalizando 27 jogos perdidos dos últimos 32 da equipe devido às penalizações.

O wide receiver apresentou seu pedido de reintegração à liga em abril, mas a solicitação foi negada. Apesar disso, a NFL informou ao recebedor que ele pode se reaplicar depois do dia 1º de agosto e então aguardar a definição da liga.

O Cleveland Browns já disse em mais de uma oportunidade que não vai falar sobre a situação envolvendo Josh Gordon até que a NFL decida se ele será reintegrado ou não. Se ele foi reinstaurado, o time vai se sentar com o atleta, conversar com ele e avaliar seu pensamento e atitude antes de decidir se o coloca de volta no elenco.

Vale ressaltar que os Browns selecionaram quatro wide receivers no draft de 2016, entre eles Corey Coleman na primeira rodada, e isso pode significar que a organização já está se preparando para o caso de Josh Gordon não retornar. E, se ele voltar ao elenco, terá muita concorrência para superar.

“Ele realmente seria um grande complemento. Ele é um grande recebedor e eu acho que ele é um rapaz muito bom, mas na sociedade de hoje, substâncias desempenham uma parte importante. Ele está tentando. Cabe a ele”, finalizou Jim Brown.

Comments
To Top