NFL

Jets fecham com Powell e trazem Robinson; veja resumo de transações desta quinta

(Crédito: Twitter/reprodução)

(Crédito: Twitter/reprodução)

Após um primeiro dia caótico de free agency da National Football League na última quarta-feira, a quinta (10) foi bem menos agitada, porém isso nem de longe quer dizer que não tivemos movimentações interessantes. Desta forma, nada melhor do que você aproveitar o resumão que o QUINTO QUARTO prepara com todo carinho para se inteirar do que de melhor rolou nas últimas horas.

Confira o resumo de transações desta quinta-feira:

– Bilal Powell: o running back renovou com o New York Jets e seguirá compondo o backfield da franquia nova-iorquina, que agora conta também com Matt Forte. Segundo informações da ‘ESPN’ norte-americana, o contrato de Powell é de três anos, com valor de US$ 11,25 milhões, sendo US$ 6 milhões garantidos.

Atualmente com 27 anos de idade, Powell foi utilizado prioritariamente em terceiras descidas na temporada 2015 e teve os melhores números da carreira em recepções (47) e jardas recebidas (388), com dois TDs recebidos. Em cinco temporadas na NFL, Bilal soma 1.609 jardas terrestres e sete TDs corridos.

– Khiry Robinson: além de ter renovado com Powell, os Jets também acertaram a chegada do running back Khiry Robinson, que passou as três primeiras temporadas de sua carreira defendendo o New Orleans Saints. O jogador, que deveria ser um agente livre restrito, não recebeu uma oferta dos Saints e ficou livre. Robinson fraturou a perna em novembro do ano passado e terminou a temporada 2015 na injured reserve, mas deve se recuperar a tempo de se preparar bem para o próximo campeonato.

Atualmente com 26 anos de idade, Robinson entrou na liga como agente livre não draftado em 2013 e, em três temporadas, ele soma 766 jardas corridas e oito touchdowns.

– Cedric Thornton: o defensive end de 27 anos de idade chegou a um acordo de quatro anos com o Dallas Cowboys, como anunciou o time nesta quinta, e o contrato é de US$ 17 milhões, com valor máximo de US$ 18 milhões e US$ 6 milhões garantidos.

Na NFL desde 2011, quando passou uma temporada no elenco de treino, Thornton atuou por quatro temporadas no Philadelphia Eagles e, nos três anos de Chip Kelly no comando da franquia, ele foi titular em 46 dos 49 jogos. Na temporada 2015, ele ficou afastado de três jogos por causa de lesões, e somou 33 tackles e um sack.

– Tyrone Crawford: o defensive tackle teve seu contrato com os Cowboys reestruturado e, com isso, a organização texana abriu quase US$ 4,4 milhões de espaço no teto salarial.

– Sean Smith: o cornerback, ex-Kansas City Chiefs, fechou um contrato de quatro anos com o Oakland Raiders.

– Nick Perry: o linebacker chegou a um acordo de um ano e vai continuar vestindo a camisa do Green Bay Packers. Segundo Ian Rapoport, do ‘NFL.com’, o contrato tem valor de US$ 5 milhões, além dos incentivos por desempenho.

Na temporada regular de 2015, Perry somou 3,5 sacks, e nos playoffs, em dois jogos, ele também somou 3,5 sacks. Selecionado na primeira rodada do draft de 2012 pelos Packers, Perry soma 12,5 sacks, 100 tackles e cinco fumbles forçados em quatro anos de carreira.

– Mohamed Sanu: o wide receiver, ex-Cincinnati Bengals, acertou por cinco anos com o Atlanta Falcons.

– Vincent Rey: o linebacker vai retornar ao Cincinnati Bengals, depois de fechar um contrato de três anos de duração, com valor de US$ 11,5 milhões. Em seis anos na franquia de Ohio, ele tem sido um reserva de sua posição, mas mesmo assim ele foi líder em tackles do time nos últimos dois anos, com 121 em 2014 e 98 em 2015.

– Sean Weatherspoon: o linebacker veterano está retornando ao Atlanta Falcons, já que ele acertou verbalmente por um ano com a equipe que o selecionou na primeira rodada do draft de 2010. As informações são de Ian Rapoport, do ‘NFL.com’.

Na temporada 2015, Weatherspoon vestiu a camisa do Arizona Cardinals, após passar as cinco primeiras temporadas da carreira nos Falcons, e neste último campeonato ele somou 11 tackles em 14 jogos como linebacker reserva dos Cardinals.

– Jermaine Kearse: o wide receiver chegou a um acordo de três anos e vai continuar no Seattle Seahawks.

– Jeremy Lane: o cornerback fechou um contrato de quatro anos com o Seattle Seahawks e vai continuar na franquia. O acordo tem valor de US$ 23 milhões, sendo US$ 11 milhões garantidos, segundo informações do ‘NFL.com’.

– Luke McCown: o quarterback assinou novo contrato com o New Orleans Saints e vai continuar na franquia da Louisiana. Segundo Rapoport, o contrato é de dois anos, com valor de US$ 3 milhões e US$ 500 mil de bônus de assinatura.

– Frank Zombo: o linebacker, que está na NFL desde 2010, acertou com o Kansas City Chiefs e vai seguir na franquia.

– Rishard Matthews: o wide receiver assinou um contrato de três anos, com valor de US$ 15 milhões, com o Tennessee Titans, segundo Ian Rapoport.

– Ben Jones: o center, ex-Houston Texans, fechou contrato com os Titans.

– Alex Boone: o guard, ex-San Francisco 49ers, assinou com o Minnesota Vikings.

– Emmanuel Lamur: o linebacker também chegou a um acordo e vai defender os Vikings, após quatro temporadas no Cincinnati Bengals.

– Tahir Whitehead: o linebacker chegou a um acordo de dois anos, com valor de mais de US$ 8 milhões, e vai continuar defendendo o Detroit Lions, onde joga desde 2012.

– Keenan Robinson: o linebacker, ex-Washington Redskins, está indo para o New York Giants. Segundo Rand Getlin, do ‘NFL.com’, o contrato é de um ano, com valor de cerca de US$ 3,5 milhões.

– Chris Hogan: o wide receiver do Buffalo Bills deve receber uma proposta do New England Patriots e, a partir disso, os Bills terão cinco dias para igualar a oferta se quiserem manter o recebedor.

– Johnson Bademosi: o cornerback, que passou suas quatro primeiras temporadas no Cleveland Browns, fechou com o Detroit Lions, como anunciou a franquia.

– Stefan Charles: o defensive tackle, ex-Buffalo Bills, fechou contrato de um ano com o Detroit Lions.

– Sherrick McManis: o cornerback chegou a um acordo de dois anos com o Chicago Bears e vai continuar na franquia de Illinois.

Comments
To Top