NFL

Jeremy Maclin recebeu notícia de dispensa pelos Chiefs via mensagem de voz

Jeremy Maclin, wide receiver da NFL

(Crédito: Instagram/reprodução)

O wide receiver Jeremy Maclin ficou bastante surpreso (assim como quase todos nós) ao receber a notícia de que estava sendo dispensado pelo Kansas City Chiefs. E a maneira como ele foi informado da novidade foi ainda mais surpreendente.

Em entrevista ao jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana, no podcast Know Them From Adam, Maclin disse que jogou a maior parte da temporada 2016 da NFL com uma ruptura na virilha e revelou que o general manager John Dorsey, dos Chiefs, deixou um correio de voz para informá-lo que a equipe do Missouri o estava cortando.

Em relação ao problema físico, o recebedor perdeu quatro jogos da equipe no ano passado e falou que jamais conseguiu voltar aos 100% quando retornou aos gramados.

“Então eu perdi cerca de quatro semanas com a ruptura na virilha, e eu voltei e fui capaz de jogar, mas não posso me sentar aqui e dizer a você que eu estava 100%. Mas também não vou vir até aqui e dar desculpas, então, no final das contas, eu não joguei tão bem quanto poderia no ano passado. Acho que, no final das contas, foi o que aconteceu”, declarou.

Maclin encerrou a temporada passada com 44 recepções para 536 jardas e dois touchdowns, piores marcas de sua carreira profissional, em 12 partidas disputados.

Sobre a dispensa pelos Chiefs, Jeremy afirmou que estava a caminho do camp de futebol americano organizado por Fletcher Cox, seu ex-companheiro de equipe, quando recebeu a mensagem.

“Eu estava em um voo, então claramente ele não conseguiu me contatar. Então, ele me deixou um correio de voz, mas a questão é que eles me dispensaram tão tarde na sexta-feira que eu não me tornaria um agente livre antes da segunda-feira, de qualquer maneira. Assim, eu gostaria, pelo menos que, você sabe, tivessem respeito por mim o suficiente para ao menos ter uma conversa comigo. Você sabe o que quero dizer, não realmente descobrir através de uma mensagem de voz”, falou. “Então, acho que é aí, na minha opinião, o problema ou realmente é apenas o negócio”, prosseguiu.

Jeremy Maclin acrescentou ainda que Dorsey o disse na mensagem de voz que “estava tentando me trocar por dois ou três meses. E que eles iriam me liberar”.

Ainda que tenha admitido que ficou “chocado” com a notícia, o wide receiver ressaltou que a maneira como aconteceu o ajudou a seguir adiante mais rapidamente.

Dias atrás, Maclin já havia dito ao site ‘Pro Football Talk’ que a notícia da dispensa veio por correio de voz.

O recebedor, contudo, não demorou a encontrar uma nova casa e fechou um contrato de dois anos com o Baltimore Ravens na semana passada. Ele chega à franquia de Maryland para ser um dos principais alvos do quarterback Joe Flacco.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top