NFL

Jay Gruden deseja que situação contratual de Kirk Cousins seja resolvida

Kirk Cousins, quarterback do Washington Redskins

(Crédito: Instagram/reprodução)

O Washington Redskins mais uma vez terá nesta offseason a chance de manter o quarterback Kirk Cousins sob contrato de um ano de duração, caso opte por novamente utilizar o recurso da franchise tag. Mas não é isso que Jay Gruden deseja que aconteça.

Em programa que foi ar no final de semana na ‘NBC’, o técnico dos Redskins disse ao apresentador Chris Cooley que deseja ver a situação contratual do signal caller resolvida.

Após dois anos consecutivos do camisa 8 atuando sob acordos de um ano de duração e os dois lados afirmando que estavam bem com isso, parece que a situação desta vez é diferente e não há mais tanta paciência.

O fato de Cousins ter atuado mais uma vez no primeiro e último ano de contrato em 2017 fez surgir diversos rumores sobre o futuro do QB na organização da capital dos EUA e essas especulações devem continuar até que tudo seja definido.

“Eu acho que algo tem que ser feito. Eu, pessoalmente, não quero passar por outro contrato de um ano, e apenas um ano, um ano. Eu acho que você tem que ter um quarterback aqui que vai estar aqui. E espero que seja Kirk, e se não for, temos que seguir em frente e fazer o que temos que fazer como organização”, declarou Gruden.

O desejo de Gruden deriva em grande parte da necessidade de saber como se planejar para o futuro e como o salary cap precisa ser utilizado em 2018 e além, porque isso influencia na busca dos Redskins por contratações.

Caso Cousins seja novamente mantido com a franchise tag, ele custaria US$ 34,5 milhões à franquia por um ano de contrato. Já se a opção for seguir adiante apenas com o reserva Colt McCoy e um calouro, o custo seria de US$ 10 milhões, no máximo, na próxima temporada.

Tanto Gruden quanto o próprio Cousins sabem a diferença que faz atuar em um mesmo sistema ofensivo há um bom tempo.

“Na maior parte, os grandes quarterbacks estão no mesmo sistema ano após ano, e estão se desenvolvendo nesse sistema. Nós não estamos segurando a respiração a cada março e abril, esperando por esse cara. Se for esse o caso, esse é o caso. Mas gostamos de Kirk e de seu desenvolvimento. Ele jogou bem às vezes, sem dúvidas, provando que é um bom quarterback titular na NFL”, ressaltou Gruden.

Mesmo com essa visão de Gruden sendo absolutamente correta, as duas partes ainda não chegaram a um consenso sobre o valor que Cousins merece receber em um contrato de longa duração. E esse deve ser um dos pontos de contenda nesta offseason.

Em entrevista à ‘ESPN’ norte-americana antes do término da temporada, Gruden disse que não levaria para o lado pessoal caso Kirk Cousins optasse por sair do time, mesmo se a decisão fosse tomada por outra razão além do dinheiro.

“De modo algum, não, de maneira alguma. É um negócio. Nós gostaríamos que tudo desse certo. Gostaríamos de ter todos de volta. Ele não é diferente de qualquer outro free agent. (…) Nós colocamos muito trabalho nesses caras e gostaríamos de tê-los de volta. Eles têm que fazer o que é melhor para eles e o que é certo, e sem ressentimentos. Desejo o melhor a eles”, finalizou o head coach dos Redskins.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top