NFL

Jason Licht sobre decisão de cortar Roberto Aguayo: “nós arrancamos o band-aid”

Roberto Aguayo, kicker da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

O kicker Roberto Aguayo foi dispensado pelo Tampa Bay Buccaneers neste último sábado, um ano depois de ser selecionado na segunda rodada do draft, e a decisão não deve ter sido nada fácil para Jason Licht.

E o general manager abriu o jogo em entrevista ao ‘The MMQB’ publicada nesta segunda-feira (14).

O executivo, que foi o responsável direto por selecionar o ex-kicker de Florida State com uma escolha tão alta de draft, colocou em suas próprias costas o peso da decisão de escolher o jogador e também de cortá-lo agora.

“Você nunca se sente bem quando acaba com o sonho de alguém. Isso sempre é difícil, especialmente com alguém em quem você tinha grandes esperanças. Você não tem bons sentimentos em relação a isso. É um pouco de um senso de, não quero dizer alívio, mas arrancamos o band-aid e seguimos em frente. Estamos avançando”, declarou Licht.

No restante da entrevista, que vale muito a leitura, o general manager da franquia da Flórida parece lamentar bastante a situação toda que foi criada e frisa que os Buccaneers não desafiaram Aguayo o suficiente durante sua primeira temporada na NFL.

Aguayo foi dispensado após a atuação desastrosa que teve na derrota dos Bucs para o Cincinnati Bengals por 23 a 12, na última sexta, em jogo de pré-temporada. Neste confronto, o kicker errou um field goal e um extra point, dando sequência à inconsistência que vinha demonstrando nos treinos e que também demonstrou em sua temporada de calouro.

Após o corte, os Bucs trouxeram o kicker Zach Hocker para competir com Nick Folk pelo posto de titular para a temporada 2017.

A boa notícia para Aguayo é que ele já recebeu uma segunda chance e teve os direitos sobre seu contrato exercidos pelo Chicago Bears neste último domingo. Em Illinois, o kicker terá a chance de respirar novos ares e também de trabalhar com Jeff Rodgers, coordenador de special teams dos Bears, que foi um dos responsáveis em transformar Matt Prater em um kicker monstruoso quando ele estava no Denver Broncos.

Comments
To Top