NFL

General manager do New York Giants, Dave Gettleman é diagnosticado com linfoma

Dave Gettleman, general manager do New York Giants

(Crédito: Twitter/reprodução)

Dave Gettleman, general manager do New York Giants, anunciou em um comunicado oficial nesta terça-feira (5) que foi diagnosticado recentemente com um linfoma, problema que foi descoberto durante seu exame físico anual. O tratamento deve começar no “futuro muito próximo”.

Segundo a Mayo Clinic, linfoma é um câncer no sistema linfático, que faz parte da rede de combate a germes do corpo.

Apesar da notícia da doença, Gettleman deixou claro que está otimista.

“A perspectiva do médico para o tratamento e prognóstico é positiva, e eu também estou. Vou continuar trabalhando tanto quanto o processo de tratamento permitir e, como eles sabem, quando eu não estiver no escritório, estarei em constante comunicação com o (técnico) Pat Shurmur, o (general manager assistente) Kevin (Abrams) e o resto do nosso staff”, afirmou o GM.

Os Giants contrataram Gettleman no ano passado para substituir Jerry Reese como general manager. Anteriormente, ele passou quatro anos como general manager do Carolina Panthers, após uma longa passagem com executivo nos Giants.

Atualmente com 67 anos de idade, Gettleman estava nas OTAs (organized team activities) dos Giants na última segunda-feira. Ele acaba de completar seu primeiro draft como GM da franquia nova-iorquina.

No comunicado emitido nesta terça, Gettleman agradeceu aos Giants.

“Sou grato a John Mara e Steve Tisch (proprietários dos Giants) e à nossa organização pelo apoio deles e encorajamento, e ao (médico) Ronnie Barnes por sua orientação e assistência. E, é claro, à minha esposa Joanne e nossos filhos por seu amor e apoio”, afirmou. “E eu quero agradecer desde já por respeitarem minha privacidade e da minha família enquanto passamos por isso. Estou ansioso para voltar com força total e devotar toda minha energia para ajudar a fazer esse New York Giants de 2018 o melhor time que pode ser”, completou.

Os Giants contrataram Gettleman em dezembro de 2017 para ajudar a iniciar uma reformulação grande em uma equipe que teve campanha de três vitórias e 13 derrotas na temporada passada e chegou aos playoffs apenas uma vez nas últimas seis temporadas.

Nesta offseason, o novo general manager iniciou uma grande mudança no elenco, contratando bons nomes e cortando vários veteranos.

Gettleman fechou um contrato histórico com o left tackle Nate Solder, ex-New England Patriots, acertou uma troca para adquirir o linebacker veterano Alec Ogletree, e ainda selecionou o running back Saquon Barkley com a segunda escolha geral do draft de 2018. O GM ainda cortou o wide receiver veterano Brandon Marshall e o cornerback Dominique Rodgers-Cromartie e trocou o defensive end Jason Pierre-Paul.

Em quatro temporadas como GM dos Panthers, Gettleman ajudou a franquia a somar 40 vitórias, 23 derrotas e um empate, vencendo três títulos consecutivos da divisão NFC South. O time da Carolina do Norte também conseguiu ter uma campanha de 15 vitórias e uma derrota em 2015, chegando ao Super Bowl 50.

Comments
To Top