NFL

Gary Kubiak: jogadores dos Broncos precisam controlar melhor as emoções

Gary Kubiak, técnico do Denver Broncos

(Crédito: Denver Broncos/divulgação)

Depois da derrota na prorrogação para o Kansas City Chiefs por 30 a 27, o técnico Gary Kubiak falou sobre o Sunday Night Football e, nesta segunda-feira (28), o head coach da franquia do Colorado deixou claro que o time precisa controlar melhor suas amoções.

O comandante disse isso ao ser questionado sobre o incidente ocorrido no início do último quarto, quando o wide receiver Jordan Norwood errou na hora de agarrar um punt, tocou na bola e ela foi recuperada pelos Chiefs, levando o cornerback Aqib Talib a empurrar o companheiro de equipe em uma espécie de ataque de fúria.

“Deixem-me apenas dizer isso: nós competimos no mais alto nível. Nossos caras competem todo o tempo, treinos, jogos, esse tipo de coisas, então eu vejo os caras competindo e eles estão chateados. Jordan e Aqib estão bem, posso dizer-lhes que isso não é um problema”, falou.

O ‘muffed’ punt de Norwood ocorreu com 12min29s restando no tempo regulamentar. Os Broncos estavam perdendo por 16 a 10 para os Chiefs e o jogador já havia tido problemas com punt anteriormente no jogo.

Jordan Norwood, que iria receber o punt e posicionar a bola para o ataque de Denver já no campo de ataque, acabou calculando mal onde o chute ia cair e a bola bateu na parte da frente de seu capacete e ficou livre para o long snapper James Winchester recuperá-la na linha de 41 jardas. Vários jogadores dos Broncos que estavam na lateral ficaram bravos com o erro e Talib acabou expressando sua raiva empurrando o colega.

A briga não ficou maior porque Norwood foi para o banco de reservas naquele momento e a defesa dos Broncos entrou novamente em campo. O erro não foi aproveitado pelos Chiefs na ocasião e o time não produziu pontos na campanha ofensiva que se seguiu à falha de Norwood.

Aqib Talib disse ter conversado com Jordan Norwood nesta manhã e minimizou o caso.

“Eu chamo isso de jogar futebol americano, apenas futebol americano. Estamos bem, isso é futebol americano. Somos irmãos, nós discutimos, nós brigamos”, frisou o cornerback.

Norwood também colocou panos quentes.

“Eu e Aqib sentamos frente a frente. Estamos em sintonia. Nós ajustamos as coisas”, disse.

Gary Kubiak afirmou que o incidente não deve ser um problema para os jogadores daqui em diante.

“Obviamente, emoções entram no caminho e essas são coisas que precisamos conversar. Temos que controlar nossas emoções. É um ambiente muito competitivo lá e não houve nenhuma má intenção, posso dizer isso. Os dois caras estão bem”, pontuou.

Ao ser questionado se estava tranquilo em relação ao incidente, o head coach limitou-se a dizer: “eu quero que nossos caras compitam. Temos que lidar melhor com estar situações. Eu digo isso a nossos caras o tempo todo, é isso que digo a eles, que nós batalhamos juntos, não batalhamos uns contra os outros. E eles compreendem isso”.

Comments
To Top