NFL

Lawrence, Clowney e mais: veja as movimentações de tags ao redor da NFL em 2019

DeMarcus Lawrence, defensive end do Dallas Cowboys

(Crédito: Twitter/reprodução)

O prazo final para que os times da National Football League utilizem ou não suas franchise tags para evitar que jogadores importantes fiquem disponível na free agency termina nesta terça-feira (5). E, em meio a esse furor, o Quinto Quarto preparou um listão (adoramos listas) com todos os principais atletas marcados com a tag.

Jogadores como os pass rushers DeMarcus Lawrence, do Dallas Cowboys, e Jadeveon Clowney, do Houston Texans, já foram ‘taggeados’ nesta segunda. E mais jogadores receberam a tag depois dos dois.

Vale lembrar que os times podem utilizar a franchise tag exclusiva, que impede o jogador de negociar com outros times, e a franchise tag não-exclusiva, que dá ao atleta a possibilidade de receber propostas de outros times, mas caso o time original decida não igualar a oferta, a equipe que quiser contratar o astro precisa ceder duas escolhas de primeira rodada de draft ao time original.

Depois da tag, os times e os jogadores têm até o dia 15 de julho para fechar um contrato de longa duração. Caso contrário, as duas partes só podem voltar a negociar após o término da temporada regular de 2019.

Então, vamos conferir uma lista bem completa das tags, para que você, fã da bola oval, não fique perdido em meio às muitas movimentações no mercado das franchise tags.

Bora lá?

Confira mais jogadores marcados com as tags na NFL:

– Frank Clark: o Seattle Seahawks colocou a franchise tag não-exclusiva no defensive end Frank Clark, como anunciou a organização de maneira oficial. Clark somou 13 sacks na temporada 2018, maior marca do time, e foi titular em todos os 16 jogos pela primeira vez na carreira.

Clark soma 35 sacks em apenas 33 jogos como titular até agora na carreira profissional. Seus 32 sacks desde o começo da temporada 2016 representam a nona melhor marca da NFL neste período.

– Grady Jarrett: o Atlanta Falcons anunciou nesta segunda que aplicou a sua franchise tag não-exclusiva no defensive tackle. O general manager Thomas Dimitroff disse que o time ainda está negociando uma extensão de longo prazo com o defensive lineman.

Jarrett foi titular em 46 dos 61 jogos que disputou em Atlanta desde que foi selecionado na quinta rodada do draft de 2015. Ao longo de quatro temporadas nos Falcons, ele somou 179 tackles, 14 sacks e três fumbles forçados. Na derrota para os Patriots, no Super Bowl LI, Jarrett somou três sacks em cima do quarterback Tom Brady.

– Dee Ford: o Kansas City Chiefs aplicou a franchise tag no pass rusher, como noticiou a ‘NFL Network’ e a ‘ESPN’ norte-americana. O jogador teve um ano sensacional na última temporada de seu contrato ano passado.

A notícia de que ele seria marcado com a tag já havia sido divulgada neste final de semana.

Comments
To Top