NFL

Favre admite que foi jogar nos Vikings para se vingar dos Packers

Crédito: instagram/reprodução

Crédito: instagram/reprodução

Uma semana depois de ter a camisa imortalizada pelo Green Bay Packers, o ex-quarterback Brett Favre aparecerá na televisão americana falando sobre insatisfações que teve com o time de Winsconsin. Depois do jogo entre Green Bay e Detroit, nesta quinta-feira, o canal NFL Network vai exibir um mini-documentário inédito chamado “Favre Returns”.

O programa especial conta o sucesso que o jogador teve nos Packers e depois a sua “traição”, quando foi para o rival Minnesota Vikings. Favre revela pela primeira vez que, na época, escolheu os Vikings porque ele queria jogar contra os Packers. “Eu queria jogar por qualquer time que enfrentasse os Packers”, diz o jogador no trailer que foi divulgado nesta semana:

O vídeo termina com Favre dizendo que não sabe se voltará a ser bem recebido no Lambeau Field. Bom, essa questão já pode ser respondida. Na quinta-feira passada, os torcedores dos Packers parecem ter esquecido a traição e ovacionaram o ex-quarterback.

A ida do jogador aos Vikings em 2009 se deu após uma temporada no New York Jets. Na época, ele ainda se incomodava de ter sido trocado pelos Packers para jogar em Nova York. A vingança veio com a ida para Minnesota, onde Favre conseguiu levar o time até a final da conferência nacional.

Em quatro ocasiões, Favre jogou contra os Packers com a camisa dos Vikings. Foram duas vitórias e duas derrotas. Em 2009, só deu Minnesota, com vitórias de 30 a 23 e 38 a 26. No ano seguinte, Green Bay fez uma ótima temporada, venceu os dois confrontos (28 a 24 e 31 a 3) e conquistou o Super Bowl XLV.

Comments
To Top