Cachorrada

Ex-wide receiver dos Buccaneers, Louis Murphy é preso por posse de arma

Louis Murphy, wide receiver da NFL

(Crédito: Tampa Bay Buccaneers/divulgação)

O wide receiver Louis Murphy, ex-Tampa Bay Buccaneers e atualmente sem time, foi detido na manhã desta quarta-feira (12), no Aeroporto Internacional de Tampa, por estar com uma arma carregada em sua mochila. A informação foi obtida pela ‘ESPN’ norte-americana nesta quinta (13).

De acordo com a polícia do aeroporto, por volta das 8h12 (horário local) a equipe de segurança do aeroporto encontrou uma pistola Glock 23 dentro de uma mochila que pertencia a Murphy. A bolsa estava no posto de controle de segurança da Airside C e a arma estava carregada com 11 cartuchos de munição.

Arma detida com Louis Murphy

Arma que foi apreendida com Louis Murphy (Crédito: divulgação)

Murphy não tinha uma licença para porte de armas escondidas, segundo a polícia do aeroporto. Ele foi detido por volta das 9h10 e foi liberado após pagamento de US$ 2 mil às 14h45, de acordo com o Departamento do Xerife do Condado de Hillsborough.

Carregar uma arma de fogo escondida é um crime de terceiro grau no estado da Flórida e pode acarretar uma sentença máxima de prisão de até cinco anos e uma multa de US$ 5 mil.

Depois de passar por Oakland Raiders, Carolina Panthers e New York Giants, Louis Murphy assinou em 2014 com o Tampa Bay Buccaneers e passou as últimas três temporadas na franquia. Ele não entrou em campo em 2016 devido a uma lesão no joelho, iniciou a temporada na lista de atletas sem condições de desempenhar (PUP list) e foi dispensado no dia 29 de novembro.

Murphy se envolveu em um incidente curioso na offseason passada, quando ele ficou trancado dentro de um museu em Palm Beach, depois da recepção de casamento de um amigo, e teve que quebrar uma porta de vidro para pedir ajuda para a polícia. Ele não foi indiciado por esse episódio.

Senquez Golson também é pego com arma de fogo

O cornerback Senquez Golson, do Pittsburgh Steelers, foi liberado pelo Aeroporto Regional Móvel depois que os seguranças encontraram uma pistola Glock calibre 45 não carregada na bolsa de mão do atleta, segundo o chefe de polícia do aeroporto Brian Fillingim. O ‘TMZ’ deu a notícia em primeira mão.

No registro de Golson não consta nenhum mandado e o aeroporto manteve a pistola e os 23 cartuchos de munição guardados para que o atleta recupere o objeto de seu pertence após sua viagem.

Senquez Golson não ficou detido.

“Ele não estava violando nenhuma lei ou tinha má intenção de fazer qualquer coisa ilegal com ela. Nenhuma atividade criminosa que seja”, falou Fillingim à ‘ESPN’.

Carregar uma arma dentro de um aeroporto é permitido no Alabama, mas Golson está sujeito a uma multa.

Fillingim não sabia ao certo por que Golson estava com a arma ou se ele possuía autorização para posse, mas a equipe do policial observou que o cornerback foi “excelente” no trato e pediu “muitas desculpas” pelo incidente.

Selecionado na segunda rodada do draft de 2015 pelo Pittsburgh Steelers, Senquez Golson ainda não entrou em campo na NFL já que passou sua carreira profissional até agora se recuperando de uma ruptura no labrum e de uma lesão Lisfranc.

Comments
To Top