Cachorrada

Ex-Dallas Cowboys, C.J. Spillman pega cinco anos de prisão por agressão sexual

(Crédito: Dallas Cowboys/divulgação)

(Crédito: Dallas Cowboys/divulgação)

C.J. Spillman, ex-jogador do time de especialistas do Dallas Cowboys, foi condenado a cinco anos de prisão após ser considerado culpado por um incidente de agressão sexual ocorrido em 2014, em um hotel na região de Dallas.

O júri do Condado de Tarrant deliberou por pouco mais de uma hora nesta sexta-feira (1) antes de anunciar a sentença em Fort Worth.

Os jurados haviam deliberado por menos de duas horas na última quinta (30) antes de chegaram ao veredito de condenação.

C.J. Spillman poderia ter pegado de dois a 20 anos de prisão ou em liberdade condicional.

A polícia de Grapevine, cidade perto de Dallas, afirmou que uma mulher denunciou Spillman por tê-la estuprado em 20 de setembro de 2014, no Gaylord Texan Resort, onde o atleta estava hospedado. Falando em defesa própria nesta quinta, Spillman admitiu ter feito sexo com a moça, mas insistiu que o ato foi consensual.

C.J. Spillman atuou na National Football League por seis anos, tendo defendido o San Diego Chargers, o San Francisco 49ers e o Dallas Cowboys. Ele se tornou agente livre em março de 2015, mas não foi contratado por nenhuma equipe.

Comments
To Top