NFL

Envolvido em caso de agressão, Darrelle Revis se entrega à polícia em Pittsburgh

Darrelle Revis, cornerback do New York Jets

(Crédito: Twitter/reprodução)

O cornerback Darrelle Revis, do New York Jets, se entregou à polícia nesta sexta-feira (17) depois de se envolver em uma briga de rua no último final de semana que levou o jogador a enfrentar quatro acusações de crime e mais uma de delito. Revis foi liberado ainda nesta sexta, sob uma garantia não-monetária, e a próxima data marcada para o defensor comparecer ao tribunal é quinta-feira (23).

Na última quinta (16), a polícia formalizou acusações de dois crimes de agressão agravada, uma de roubo, outra de conspiração e um delito de ameaças terroristas.

Como parte da audiência desta sexta, o cornerback foi intimado a comparecer a todas as audiências e instruído a não ter qualquer contato com as supostas vítimas e testemunhas, nem mesmo por redes sociais. O atleta tem um prazo de 72 horas para entregar seu passaporte às autoridades.

Revis não respondeu às perguntas dos jornalistas enquanto entrava no prédio dos Cortes Municipais de Pittsburgh às 22h20 (de Brasília) desta sexta. O atleta estava acompanhado por seu advogado Blaine Jones e por alguns parentes.

O incidente em que o cornerback se envolveu ocorreu na madrugada do último domingo (12), em Pittsburgh. Dois homens, um de 21 e outro de 22 anos de idade, disseram à polícia que Revis deu socos neles em meio a uma discussão verbal. Segundo a polícia, testemunhas revelaram que os dois homens ficaram inconscientes por 10 minutos.

Dallas Cousins, um rapaz de 22 anos, estava andando na rua quando viu alguém que ele achou que parecia o cornerback dos Jets. Então, Cousins se dirigiu a Revis, que confirmou sua identidade, e o homem começou a filmar o astro da NFL no celular e continuou a segui-lo.

“Em determinado momento, Revis arrancou o celular e tentou apagar o vídeo”, afirma o relatório policial.

Zacheria Jarvis, de 21 anos de idade, que é companheiro de quatro de Cousins, ajudou o parceiro a recuperar o telefone, segundo a polícia. Houve uma discussão e um homem não identificado chegou para ajudar Darrelle Revis.

Os dois homens disseram à polícia que “tomaram socos e então se lembram de acordar para conversar com a polícia”.

Nathan Watt, uma testemunha, contou aos policiais que chegou a receber ameaça de Revis posteriormente. O cornerback teria dito: “tenho mais caras vindo”. Então, Watt ainda afirmou que o cornerback “estava com uma feição agressiva, com os punhos fechados e disse: ‘você quer ser o próximo?’”.

Watt não soube dizer se for Revis ou o homem que chegou para ajuda-lo que acertou os socos em Cousins e Jarvis. Segundo a testemunha, Revis e o parceiro deixaram a região de carro.

Na última quinta, Blaine Jones afirmou que seu cliente foi agredido fisicamente e era “uma vítima em tudo isso”.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top