NFL

Em Pro Bowl bastante disputado e intenso, AFC derrota a NFC

Time da Conferência Americana (AFC) no Pro Bowl 2017

(Crédito: Instagram/reprodução)

Conferência Nacional (NFC) 13 x 20 Conferência Americana (AFC)

– Fator de desequilíbrio: o time da NFC chegou quatro vezes à red zone no jogo, mas só aproveitou para marcar pontos em uma oportunidade nestas circunstâncias e foi apenas com um field goal. Assim, ficou muito complicado vencer.

– Destaque Quinto Quarto do jogo: Everson Griffen – mesmo com seu time tendo perdido, o defensive end da NFC teve uma atuação muito boa e saiu de campo com três sacks e oito tackles no total, sendo três para perda de jardas. Menção honrosa para Lorenzo Alexander, já que o linebacker da AFC fez uma interceptação decisiva na reta final da partida e também fez oito tackles e desviou dois passes no confronto.

Os MVPs da partida foram o tight end Travis Kelce, do Kansas City Chiefs, no time ofensivo, e o linebacker Lorenzo Alexander, do Buffalo Bills, no time defensivo, ambos representantes da AFC.

– Análise geral da NFC: apesar de uma atuação defensiva consistente, já que o time fez sete sacks, o ataque não soube produzir pontos de maneira constante.

– Análise geral da AFC: o time da Conferência Americana aproveitou melhor as chances que teve no jogo e venceu a partida em Orlando no detalhe.

– Resumo da partida

O primeiro quarto de jogo no Camping World Stadium, em Orlando, não teve pontos. O que se viu, contudo, foi uma partida interessante, com os defensores se recusando a aliviar e chegando junto mesmo em um jogo amistoso.

O placar finalmente foi inaugurado no início do segundo quarto, quando Alex Smith conectou passe de 26 jardas com Delanie Walker e o primeiro touchdown do time da Conferência Americana foi anotado. O placar ficou em 7 a 0.

Na sequência, foram feitas duas interceptações, uma para cada lado. Drew Brees, pela NFC, foi interceptado por Stephon Gilmore e Andy Dalton, pela AFC, foi interceptado por Richard Sherman.

A Conferência Nacional empatou o jogo a 6min26s do intervalo, quando Brees acertou passe de 47 jardas para Doug Baldwin. Antes do intervalo, contudo, Dalton foi preciso em conexão de 23 jardas para Travis Kelce e a AFC foi para o vestiário vencendo por 14 a 7.

No terceiro quarto, o placar só foi alterado em uma oportunidade, com field goal de 38 jardas convertido por Justin Tucker, chute que ampliou a vantagem da AFC para 17 a 7.  E, logo no início no último quarto, Tucker acertou mais um chute, desta vez de 31 jardas, para deixar o jogo em 20 a 7.

A NFC fez dois field goals, de 42 e 46 jardas, com Matt Prater e a diferença caiu para apenas sete pontos (20 a 13).

Na reta final do jogo, o ataque da NFC, liderado pelo quarterback Kirk Cousins, foi para cima buscando a reação, mas Cousins forçou o passe a um minuto do final e foi interceptado por Lorenzo Alexander. O linebacker retornou a interceptação e jogou a bola para o lado para o companheiro Aqib Talib, que correu até o campo de ataque. Cousins ainda voltou correndo e forçou o fumble de Talib, mas o cornerback conseguiu recuperar a bola e a AFC confirmou a vitória na sequência.

Um belo Pro Bowl, disputado e com emoção até a jogada final. Surpreendeu…

Estatísticas dos principais jogadores:

Conferência Nacional (NFC)

Drew Brees – 10 passes certos de 19 para 112 jardas, um touchdown e uma interceptação.

Kirk Cousins – 14 passes certos de 20 para 158 jardas e uma interceptação.

Odell Beckham Jr. – seis recepções para 93 jardas.

Everson Griffen – três sacks e oito tackles (três para perda de jardas).

Conferência Americana (AFC)

Andy Dalton – 10 passes certos de 12 para 100 jardas, um touchdown e uma interceptação.

Alex Smith – seis passes certos de oito para 74 jardas e um touchdown.

T.Y. Hilton – cinco recepções para 58 jardas.

Lorenzo Alexander – uma interceptação, oito tackles e dois passes desviados.

Comments
To Top