NFL

Em noite de recordes de Brees, Lions vencem duelo de eliminados contra Saints

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

Podia ser uma noite histórica coroada com uma vitória, mas os torcedores do New Orleans Saints tiveram de se contentar com apenas Drew Brees escrevendo seu nome nos livros de recordes da NFL. Fechando a 15ª semana da temporada regular, o Detroit Lions (6-9) saiu vitorioso do Mercedes-Benz Superdome pelo placar de 35 a 27 sobre os Saints (5-10), em um duelo de equipes já eliminadas dos playoffs.

Brees, nesse jogo, atingiu as de 60 mil jardas aéreas na carreira, apenas o quarto quarterback a quebrar essa marca histórica, entrando para um seleto grupo ao lado de Dan Marino (61.361), Brett Favre (71.838) e Peyton Manning (71.871). O QB dos Saints também ampliou um recorde pessoal, chegando à décima temporada seguida com pelo menos quatro mil jardas passadas – Manning, o mais próximo, tem 6 -, consolidando-se como um dos mais prolíficos jogadores na posição em todos os tempos. A partida também foi a 94 da carreira dele com pelo menos 300 jardas, outro recorde.

Recordes de Brees a parte, nada de muito relevante aconteceu em New Orleans. Com as equipes já sem chances de chegar à pós-temporada, o jogo seguiu um roteiro melancólico. Especialmente no primeiro tempo, os Lions dominaram os Saints e saíram para os vestiários com a vantagem de 21 a 3, após o que foi, provavelmente, uma das sequências mais estranhas de jogadas da temporada.

drew_brees_60k

(Crédito: Reprodução/Instagram)

New Orleans, com a última posse de bola do segundo período, foi com tudo para tentar diminuir a vantagem construída pelos três TDs de Matthew Stafford. Em um lindo lançamento de 29 jardas para Brandin Cooks, os Saints ficaram a uma jarda da linha de gol – a chamada de campo foi de TD, mas a revisão da jogada anulou a pontuação pela primeira vez na campanha. Na sequência, Tim Hightower correu para a endzone, mas o TD foi revertido novamente por uma falta de formação ilegal dos Saints. Os Saints ainda tiveram uma última chance, colocando a bola nas mãos de Marques Colton dentro da endzone, mas, outra vez mais perdendo a os pontos por uma falta, foi para os vestiários sem pontuar. A sequência ainda incluiu um pedido de tempo dos Lions quando não tinha mais timeouts, o que deixou tudo ainda mais estranho.

A segunda metade do duelo nos reservou os momentos históricos de Brees, além de um jogo franco e que quase empolgou pela tentativa de virada dos Saints.

Nada como um passe de 27 jardas para TD para coroar as 60 mil jardas do QB dos Saints. Cooks foi o responsável por receber o passe que entrou para a história de Brees e da franquia.

Depois de um fumble recuperado, os Saints responderam rapidamente com mais um touchdown, dessa vez com Colston, colocando um pouco de lenha na fogueira e o jogo a uma posse de bola: 28 a 20.

As esperanças, porém, foram por água abaixo quando a defesa dos Saints vacilou e permitiu uma corrida de 27 jardas de Ameer Abdullah. Com Stafford inspirado, a campanha terminou com Joique Bell chegando à endzone com uma corrida e jogando um balde de água fria sobre a torcida no Superdome.

Quarterbacks:

Drew Brees: 28/41, 361 jardas, 2 TDs e 2 INT

Matthew Stafford: 20/32, 274 jardas e 1 TD.

Pontuação a pontuação: 

0 a 7 – 1Q – a 7min51s do final – TD – Golden Tate recebe passe de uma jarda para o touchdown. Extra point é bom.

3 a 7 – 1Q – a 1min11s do final – FG – Kai Forbath acerta chute de 45 jardas.

3 a 14 – 2Q – a 14min12s do final – TD – Michael Burton recebe passe de quatro jardas para o touchdown. Extra point é bom.

3 a 21 – 2Q – a 4min32s do final – TD – Golden Tate recebe passe de cinco jardas para o touchdonw. Extra point é bom.

3 a 28 – 3Q – a 11min50s do final – TD – Ameer Abdullah corre por 15 jardas para o touchdown. Extra point é bom.

10 a 28 – 3Q – a 5min03s do final – TD  – Brandin Cooks recebe passe de 27 jardas para o touchdown. Extra point é bom.

13 a 28 – 4Q – a 13min06s do final – FG – Kai Forbath acerta chute de 22 jardas.

20 a 28 – 4Q – a 10min06s do final – TD – Marques Colton recebe passe de 11 jardas para o touchdown. Extra point é bom.

20 a 35 – 4Q – a 5min24s do final – TD – Joique Bell corre por uma jarda para o touchdown. Extra point é bom.

28 a 35 – 4Q – a 1min55s do final – TD – Benjamim Watson recebe passe de uma jarda para o touchdown. Extra point é bom.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top