NFL

Em meio à crise nos Seahawks, Bobby Wagner e Earl Thomas discutem

Bobby Wagner e Earl Thomas, do Seattle Seahawks

(Crédito: montagem sobre fotos de Twitter)

O Seattle Seahawks foi atropelado pelo Los Angeles Rams neste domingo (17) e perdeu em casa pelo placar de 42 a 7, resultado esse que parece ter agravado o clima dentro da organização. E, ao que parece, as coisas estão realmente tensas na franquia do estado de Washington.

Via Twitter, o free safety Earl Thomas afirmou que o companheiro de equipe Bobby Wagner não deveria ter jogado neste final de semana devido ao problema no músculo posterior da coxa com o qual ele vem sofrendo e o linebacker respondeu de maneira nada educada.

Em um tweet excluído desde então, Wagner disse a Thomas para “manter meu nome fora da sua boca”.

Thomas foi questionado sobre o quanto as contusões pesaram na defesa dos Seahawks durante o revés para os Rams no CenturyLink Field, que foi inclusive a derrota por maior margem de pontos da equipe em oito temporadas sob o comando de Pete Carroll.

“Para ser totalmente honesto, acho que os caras que jogaram, você tem que tirar o chapéu ára Wags e alguns caras que jogaram, mas em minha opinião pessoal, não acho que eles deveriam ter jogado. Acho que os reservas teriam sido tão bons quanto. Mas as lesões – Kam, Sherm, K.J. – elas definitivamente pesaram hoje”, falou Thomas.

Os Seahawks perderam o cornerback Richard Sherman, o strong safety Kam Chancellor e o defensive end Cliff Avril devido a lesões que encerraram as temporadas desses atletas precocemente. Além disso, o time ainda está sem o linebacker K.J. Wright, que se recupera de concussão, e o também linebacker Bobby Wagner estava visivelmente jogando no sacrifício com o problema muscular na coxa.

Thomas foi questionado sobre quanto Wagner pareceu estar mais lento neste domingo. E não escondeu sua visão.

“Não tenho ideia. Mas você normalmente vê Wags correndo de lado a lado do campo e ele simplesmente não conseguiu fazer isso hoje”, frisou. “Mas acho que ele simplesmente esperou um pouco demais para sair”, completou.

Wagner então publicou em seu Twitter a seguinte mensagem: “e mantenha meu nome fora da sua boca. Para de ter inveja do sucesso de outras pessoas. Eu ainda espero que você continue jogando bola, irmão”.

Bobby Wagner tem sido um dos melhores defensores da NFL nesta temporada, mesmo com o problema no músculo posterior da coxa que o vem incomodando há um bom tempo. O camisa 54 voltou a lesionar o local na semana passada, deixando-o fora da segunda metade da derrota para o Jacksonville Jaguars.

O linebacker então mal treinou nos últimos dias para descansar o músculo e foi para o jogo.

Wagner foi creditado com sete tackles contra os Rams antes de deixar o jogo com cinco minutos restando no terceiro quarto, quando os Seahawks já estavam perdendo por 40 a 0.

Pete Carroll não escondeu sua admiração pelo fato de Wagner ter atuado no sacrifício.

“Como um guerreiro, ele apareceu na ocasião para jogar. Ele se sentiu bem no pré-jogo. Teve que encontrar uma maneira para que pudesse jogar e ele fez. Eu não poderia admirá-lo mais por tentar ajudar a sua equipe de todas as maneiras que podia”, ressaltou o head coach.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top