NFL

Em meio à reabilitação, Aaron Rodgers não treina no Green Bay Packers

Aaron Rodgers, quarterback do Green Bay Packers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Green Bay Packers iniciou a semana de treinos nesta quarta-feira (12), mirando o jogo de domingo contra o Minnesota Vikings, sem a presença do quarterback titular Aaron Rodgers nas atividades.

O técnico Mike McCarthy disse aos repórteres que Rodgers vai trabalhar com outros jogadores que estão se reabilitando de lesões, enfatizando que o camisa 12 não teve nenhum contratempo em sua recuperação de contusão no joelho e observando que o signal caller está sendo avaliado diariamente.

O head coach disse que está encorajado com o fato de Rodgers estar trabalhando no grupo de reabilitação, mas ainda não disse com todas as letras que o quarterback poderá treinar no restante a semana.

“Ele sempre respondeu, colocou um monte de tempo extra. Então, vamos ver o que amanhã nos traz”, analisou.

Durante o período de vestiário aberto para os jornalistas depois do treino desta quarta, Rodgers falou aos repórteres que permaneceu nas instalações internas para receber tratamento e caracterizou sua lesão como uma entorse no joelho.

O astro foi na mesma linha de discurso de McCarthy, dizendo que tudo está sendo avaliado dia a dia, e revelou que não tomou remédios para dor na noite de domingo, durante o jogo contra o Chicago Bears. O quarterback agora está passando pelo processo de reabilitação depois de lutar contra a lesão na semana 1.

“Havia muita adrenalina, e (está) muito dolorido nos últimos três dias”, observou.

O jornalista Tom Pelissero trouxe mais algumas observações sobre a conversa de Rodgers com a imprensa.

O camisa 12 disse que seu joelho estava um pouco melhor a cada dia, observou que atuou com problemas no joelho esquerdo desde que tinha 16 anos de idade, também passando por cirurgia aos 20 e após a temporada 2015, e que era preciso chamar a contusão de uma entorse.

Ao ser questionado se precisa treinar para jogar, Rodgers disse: “não”.

Certo é que Rodgers só não estará em campo neste domingo se algo muito anormal acontecer, visto que ele é um dos quarterbacks mais durões de toda a liga.

E ele já deu mostras disso no SNF.

Após sair do duelo com a contusão, quando foi levado ao vestiário no carrinho-maca durante a primeira metade de jogo, Rodgers retornou no terceiro quarto e comandou uma impressionante vitória de virada por 24 a 23. Ele deu três passes para touchdown nos dois quartos finais.

Ainda que a condição de Rodgers para o jogo só será revelada no relatório de lesões da próxima sexta, o Minnesota Vikings sabe que o camisa 12 deve estar atrás do center no final de semana.

O técnico Mike Zimmer, dos Vikings, deixou isso evidente: “sim. Ele anda sobre a água, então tenho certeza que ele vai jogar”.

Comments
To Top