NFL

Em jogo apertado, Houston Texans bate Dallas Cowboys na prorrogação

Deshaun Watson, quarterback do Houston Texans

(Crédito: Twitter/reprodução)

Sob os olhares de 72.008 torcedores, um recorde da história da franquia, o Houston Texans fez um jogo bastante equilibrado contra o Dallas Cowboys. E, com direito a prorrogação, os donos da casa venceram pelo placar de 19 a 16 no Sunday Night Football.

Foi a segunda vitória consecutiva dos Texans na temporada, a segunda na prorrogação, depois de um início de temporada com 0-3. Agora, o time do técnico Bill O’Brien fica com duas vitórias e três derrotas, ocupando a terceira posição na divisão AFC South.

Já o Dallas Cowboys também tem campanha 2-3 agora, mas continua na segunda colocação da divisão NFC East, bem nivelada por baixo até agora. Os Cowboys estão com sequência de uma derrota e uma vitória desde o começo da temporada.

O jogo não foi nenhum primor, com as defesas aparecendo muito bem em várias oportunidades. E, novamente, os Texans apresentaram muitas dificuldades em termos de situações de red zone. Foram seis ‘viagens’ dos donos da casa até a zona das 20 jardas finais e apenas um touchdown anotado assim.

Os quarterbacks não brilharam e o melhor foi Deshaun Watson, do lado dos Texans. Mesmo com sua linha ofensiva sendo uma das piores da NFL, o signal caller sofreu apenas um sack e fechou com 33 passes certos de 44 para 375 jardas, um touchdown e uma interceptação, além de dez corridas para 40 jardas.

Quem se destacou muito pelo time mandante foi o wide receiver DeAndre Hopkins, que fez a recepção que abriu caminho para o field goal da vitória e fechou o duelo com nove recepções para 151 jardas.

Do lado de Dallas, o quarterback Dak Prescott sofreu dois sacks e fechou a noite com 18 passes certos de 29 para 208 jardas, um touchdown e duas interceptações, além de seis corridas para 34 jardas.

Na semana 6, o Houston Texans recebe o Buffalo Bills, novamente no NRG Stadium, enquanto que o Dallas Cowboys também joga em casa contra o Jacksonville Jaguars, no AT&T Stadium. Os dois jogos serão no domingo (14), às 14h e 17h25, respectivamente.

Houston Texans se impõe na primeira metade

Os dois primeiros quartos não foram de muitos pontos. E foram os Cowboys que começaram melhor. O time anotou dois field goals no primeiro quarto com Brett Maher (27 e 43 jardas) e abriram 6 a 0. Já os Texans perderam um field goal de 48 jardas com Ka’imi Fairbairn quando tinham a chance de deixar o confronto empatado em três pontos

Dallas, contudo, esqueceu o futebol americano no quarto inicial.

Os Texans viraram o jogo logo no começo do segundo quarto, com touchdown anotado em passe de uma jarda de Deshaun Watson para Keke Coutee. O placar foi para 7 a 6.

Com 6min03s para o intervalo, Fairbairn fez um field goal de 20 jardas e ampliou a vantagem dos donos da casa para 10 a 6.

Apesar de todo, os Cowboys tiveram coisas a comemorar no final do segundo quarto, quando o rival chegou até a linha de uma jarda, mas não conseguiu entrar na end zone com Watson sofrendo um sack. A defesa de Dallas trouxe moral ao time antes da pausa.

O primeiro tempo terminou com 251 jardas ofensivas dos Texans contra 158 dos Cowboys, além de 14 first downs dos donos da casa contra sete dos visitantes.

Jogo segue equilibrado e Texans confirmam o resultado positivo na prorrogação

O terceiro quarto começou com os Texans com a bola, mas logo no começo da campanha, na terceira jogada, Watson conectou passe com DeAndre Hopkins, mas o wideout dos Texans, que teve uma grande primeira metade de jogo, sofreu um fumble. A bola foi recuperada pelos Cowboys, que começaram o próximo drive na linha de 16 jardas do campo ofensivo.

Com uma posição de campo bem favorável, os Cowboys não demoraram a chegar ao TD, que saiu em linda jogada com passe de três jardas de Dak Prescott para Allen Hurns, no fundo da end zone. Dallas voltou a ficar em vantagem (13 a 10).

Após a campanha seguinte dos Texans terminar em punt, os Cowboys tentaram uma jogada engraçadinha com o safety Kavon Frazier entrando no ataque e lançando a bola, mas o lançamento foi interceptado por Justin Reid, que posicionou seu ataque na linha de 29 do campo adversário.

Mais uma vez, Houston chegou até a end zone, mas não conseguiu finalizar o drive com TD, empatando o jogo em 13 pontos com FG de 21 jardas de Fairbairn.

Após várias campanhas fechadas em punt, o placar só voltou a ser alterado com dois field goals, um de cada lado, no último quarto, deixando o placar em 16 a 16.

Houve até essa jogada linda de Dak Prescott.

Nos segundos finais, Watson quase pôs tudo a perder ao forçar um passe sob pressão e ser interceptado por Xavier Woods. Apesar disso, os Cowboys não conseguiram arriscar um field goal e a decisão foi para a prorrogação.

No tempo extra, os Cowboys começaram com a bola e chegaram a ter uma situação de quarta descida para uma jarda na linha de 42 do campo dos Texans, com 5min40s restantes, mas o técnico Jason Garrett adotou uma postura conservadora demais e chutou o punt.

A decisão custou caro.

Os Texans caminharam campo abaixo e, com pouco menos de quatro minutos, Watson conectou passe de 49 jardas com Hopkins, levando a bola até a linha de 27 do território adversário.

Houston ainda levou a bola até a linha de 18 e, então, Fairbairn entrou em campo para decidir. O kicker dos Texans não decepcionou, acertou o field goal de 36 jardas e assegurou a vitória.

– Estatísticas individuais

Houston Texans

Deshaun Watson – 33 passes certos de 44 para 375 jardas, um touchdown e uma interceptação, além de dez corridas para 40 jardas

DeAndre Hopkins – nove recepções para 151 jardas

Dallas Cowboys

Dak Prescott – 18 passes certos de 29 para 208 jardas, um touchdown e duas interceptações, além de seis corridas para 34 jardas

Ezekiel Elliott – 20 corridas para 54 jardas e sete recepções para 30 jardas

Comments
To Top