NFL

Doug Whaley: não estava ciente da demissão de Rex Ryan

Doug Whaley, general manager do Buffalo Bills

(Crédito: Twitter/reprodução)

Doug Wahley, general manager do Buffalo Bills, começou a sua entrevista coletiva de fim de temporada admitindo que uma campanha de 7-9 não era boa o suficiente para os proprietários da equipe. Apesar disso, essa não foi a principal declaração dada aos repórteres, que sondaram qual foi o papel do executivo na demissão de Rex Ryan e sobre a busca por um novo treinador.

Durante a contratação de Ryan, Whaley fez parte do comitê, que incluía Kim e Terry Peluga, mas o mesmo não aconteceu na demissão do head coach.

“Foi me dito pelo meu chefe que não vou trabalhar mais com Rex”, disse Whaley nessa segunda-feira (02). “Meu papel não é descobrir por que, meu papel é pegar essa informação, seguir em frente e colocar essa organização na melhor condição possível para ganhar jogos de futebol americano. Então, eu não perguntei (por que Ryan foi demitido)”.

Doug Whaley disse que descobriu que o treinador havia sido demitido após ele e Ryan terem realizado sua teleconferência semanal com Terry e Kim Peluga. Ryan pediu para conversar com os proprietários sozinho e, para o general manager, foi nesse momento que ele foi demitido.

Um repórter disse a Whaley que sabia que Ryan seria demitido semanas atrás e questionou por que os Bills não fizeram a troca no comando antes.

“Então, você tinha mais informações do que eu”, disse Whaley. “Eu não estava ciente de que Ryan foi demitido até eu escutar de Terry Peluga”.

Em certo momento, um repórter disparou: “estou realmente tentando descobrir o que você (Whaley) faz para viver”, se referindo ao fato dele não saber que o técnico dos Buffalo Bills havia sido demitido.

É difícil entender por qual motivo Whaley é responsável pela procura por um novo treinador, já que ele não sabia que Rex Ryan havia sido demitido e porque surgiu a informação de que foi Ryan quem indicou Anthony Lynn para ser o head coach interino.

Ao ser pressionado, o executivo voltou a falar que, na sua visão, ele não deveria questionar o motivo do desejo dos seus empregadores e que sua função era receber essa informação e, a partir disso, colocar o time na melhor posição para vencer jogos.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top