NFL

Doug Martin está voltando ao Oakland Raiders; veja mais transações

Doug Martin, running back do Oakland Raiders

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Oakland Raiders está trazendo de volta o running back Doug Martin, como noticiaram os jornalistas Mike Garafolo e Steve Wyche, da ‘NFL Network’, e Paul Gutierrez, da ‘ESPN’ norte-americana.

O retorno de Martin à franquia californiana se dá depois de Isaiah Crowell romper o tendão de Aquiles em um treinamento desta semana. A lesão vai deixar Crowell fora da temporada 2019 da National Football League.

Na temporada 2018, Martin mostrou que ainda tem gasolina no tanque e, em 16 jogos com a camisa dos Raiders, ele correu 172 vezes para 723 jardas e quatro touchdowns, além de fazer 18 recepções para 116 jardas.

No ano passado, ele substituiu o lesionado Marshawn Lynch como titular e teve a terceira maior marca de jardas corridas em sua carreira profissional.

Com recém-completados 30 anos de idade, Martin teve uma média de 4,2 jardas por carregada.

Selecionado na primeira rodada do draft de 2012 pelo Tampa Bay Buccaneers, com a 31ª escolha geral, Martin foi selecionado duas vezes para o Pro Bowl durante sua passagem pela franquia da Flórida.

Ele foi dispensado pelos Bucs em 2017, depois de duas temporadas tumultuadas. Ele entrou em um programa de reabilitação de drogas e foi suspenso pelo último jogo da temporada 2016 e pelos primeiros três jogos da temporada 2017.

Posteriormente, ele ainda foi mandado para o banco, cedendo lugar a Peyton Barber nos três últimos jogos da temporada 2017. Ele foi afastado do time na semana 15 por violar uma regra interna dos Buccaneers.

Em sete temporadas na National Football League, Doug Martin soma 1.322 corridas para 5.356 jardas (média de 4,1 jardas por carregada) e 30 touchdowns, além de 148 recepções para 1.207 jardas e dois TDs.

Confira mais movimentações na NFL nesta quarta (1):

– O running back Jamaal Charles oficialmente encerrou sua carreira profissional após 11 temporadas na National Football League. O jogador assinou um contrato de um dia com o Kansas City Chiefs e pendurou as chuteiras, como anunciou a franquia.

Atualmente com 32 anos de idade, Charles entrou na liga em 2008, ao ser selecionado na terceira rodada do draft, e passou nove temporadas no Chiefs (2008 a 2016). Ele então se tornou o líder de jardas corridas na história da organização, com 7.260 jardas, incluindo cinco temporadas com 1.000 jardas ou mais.

Ele atuou uma temporada com a camisa do Denver Broncos em 2017 e disputou apenas dois jogos com a camisa do Jacksonville Jaguars em 2018, mas sua produtividade não chegou nem perto de ser a mesma.

Durante seu auge, quando estava saudável, Charles foi uma das melhores armas ofensivas de toda a liga. Ele foi duas vezes selecionado para o primeiro time All-Pro (2010 e 2013) e foi nomeado para quatro Pro Bowls (2010 e 2012 a 2014).

Contudo, o running back sofreu muito com lesões em suas últimas duas temporadas em Kansas City, perdendo 22 jogos neste período, e ele pareceu perder sua explosão depois de romper o ligamento cruzado anterior do joelho em 2015.

Em sua carreira, Jamaal Charles disputou 119 jogos de temporada regular, sendo 69 como titular, e totalizou 7.563 jardas corridas e 44 touchdowns em 1.407 carregadas de bola, com uma média de 5,4 jardas por carregada.

Ele também fez 310 recepções para 2.593 jardas e 20 TDs.

– O Jacksonville Jaguars contratou os linebackers Ramik Wilson e Najee Goode, segundo informação do jornalista Mike Garafolo, da ‘NFL Network’. Os detalhes dos acordos não foram divulgados.

A franquia da Flórida anunciou as contratações de maneira oficial, juntamente com a chegada do linebacker D.J. Alexander.

Wilson passou a temporada passada no Los Angeles Rams, onde disputou todos os 16 jogos, sendo quatro como titular, e totalizou 35 tackles na posição de middle linebacker. Ele entrou na liga em 2015, ao ser selecionado na quarta rodada do draft pelo Kansas City Chiefs.

Em sua carreira, Wilson disputou 46 jogos (21 como titular), então ele acrescenta experiência ao grupo de LBs dos Jags.

Já Goode se junta ao seu quarto time na NFL desde que entrou na liga em 2012, ao ser selecionado na quinta rodada do draft pelo Tampa Bay Buccaneers. Ele passou uma temporada nos Bucs antes de ficar no Philadelphia Eagles por cinco temporadas (2013 a 2017). Posteriormente, ele teve uma passagem de um ano pelo Indianapolis Colts em 2018.

Alexander atuou na temporada passada com os Eagles, em sua quinta temporada na liga, e ele atuou mais nos special teams. Ele foi selecionado ao Pro Bowl em 2016, quando somou 12 tackles no time de especialistas do Kansas City Chiefs.

Na última terça, os Jaguars também trouxeram o linebacker James Onwualu, dispensado pelo San Francisco 49ers.

– O Chicago Bears está recebendo o cornerback Kayvon Webster para uma visita, segundo Mike Garafolo, da ‘NFL Network’. Ele já vestiu as camisas do Denver Broncos, do Los Angeles Rams e do Houston Texans.

Comments
To Top