NFL

Miami Dolphins está interessado em Jadeveon Clowney; veja mais movimentações na NFL

Jadeveon Clowney, pass rusher do Houston Texans

O Miami Dolphins está interessado em uma troca para adquirir o pass rusher Jadeveon Clowney, astro do Houston Texans, e recentemente a equipe se encontrou com o defensor.

Os jornalistas Tom Pelissero e Mike Garafolo, da ‘NFL Network’, foram os primeiros a noticiar o crescente interessa da organização da Flórida no pass rusher.

Clowney se reuniu com o técnico Brian Flores, em seu primeiro ano no cargo nos Dolphins, e com outros membros da organização. O time de Miami está tentando convencer o jogador a aceitar uma troca para a franquia.

Os Texans têm interesse no left tackle Laremy Tunsil, de Miami, mas os Dolphins parecem não estar dispostos a se livrar do offensive lineman em um eventual acordo para trocar Clowney, de acordo com Cameron Wolfe, da ‘ESPN’ norte-americana.

Há interesse em um acordo, mas uma troca não é considerada garantida ou iminente neste momento.

Jadeveon Clowney, que ainda não assinou sua franchise tag aplicada pelos Texans, foi nomeado ao seu terceiro Pro Bowl consecutivo na temporada passada. Ele terminou 2018 com 47 tackles, nove sacks, um fumble forçado e um fumble recuperado.

Em outras novidades dos Dolphins nesta terça, a franquia da Flórida cortou quatro veteranos, entre eles o defensive tackle titular Akeem Spence e o right tackle recém-contratado Jordan Mills.

O linebacker reserva Chase Allen e o tight end Clive Walford também disseram adeus à organização.

Confira mais novidades ao redor da NFL nesta terça (27):

– O San Francisco 49ers está dispensando o linebacker veterano Malcolm Smith, após apenas duas temporadas do defensor com o time. O anúncio foi feito de maneira oficial.

Selecionado na sétima rodada do draft de 2011 pelo Seattle Seahawks, Smith foi titular em tempo parcial das equipes de Pete Carroll que foram ao Super Bowl. Na vitória no Super Bowl XLVIII, Smith somou uma pick-six e recuperou um fumble, ficando com o prêmio de MVP.

Em 2015, ele foi ao Oakland Raiders e, então, selou um contrato de cinco anos com os 49ers em 2017. O linebacker perdeu toda a temporada 2017 com uma ruptura no músculo peitoral.

Também nos Niners, o running back Jerick McKinnon (joelho) retornou aos treinos nesta terça, mas os wide receivers Trent Taylor e Jalen Hurd não estavam disponíveis. Taylor (pé) é “altamente improvável” para a semana 1, segundo o técnico Kyle Shanahan.

Já o defensive lineman Kentavius Street vai passar por uma artroscopia no joelho. Shanahan afirmou que Street deve ir para a injured reserve.

– No Carolina Panthers, o técnico Ron Rivera disse que “não há dúvidas em sua cabeça” que o quarterback Cam Newton estará pronto para a estreia do time na temporada regular contra o Los Angeles Rams, no dia 8 de setembro.

Newton sofreu uma entorse no pé esquerdo no jogo da última quinta, uma derrota para o New England Patriots em duelo válido pela semana 3 da pré-temporada. Os exames de raios-x não apontaram fratura e membros dos Panthers se disseram “cautelosamente otimistas” em relação ao camisa 1.

Também nos Panthers, o kicker Graham Gano seguiu afastado dos treinos com uma contusão na perna. E Rivera não se mostrou tranquilo.

“É desconfortável, para ser honesto com vocês. Porque, novamente, você quer que ele seja capaz de chutar para ter certeza de que tudo está bem. Saberemos esperançosamente no próximo dia ou dois”, frisou o head coach.

– O defensive end Jason Pierre-Paul, do Tampa Bay Buccaneers, foi liberado pelo time e por médicos independentes para resumir as atividades de reabilitação, conforme apurou Tom Pelissero, da ‘NFL Network’, nesta terça. Essa novidade se dá menos de quatro meses depois que JPP sofreu uma fratura na vértebra em um acidente de um único carro.

Pierre-Paul voltou aos treinos dos Bucs, sem colar cervical, pela primeira vez desde a contusão. Ainda não se sabe quando ele será liberado para jogar, de fato, mas a notícia desta terça é muito positiva.

– O wide receiver DeSean Jackson, do Philadelphia Eagles, sofreu uma fratura em um dedo da mão esquerda no treino desta terça, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Apesar do susto, a lesão parece ser algo menor e Jackson não deve perder tempo de jogo. Os Eagles não parecem preocupados com a contusão.

Também nos Eagles, a equipe contratou o safety Jason Thompson e dispensou Tre Sullivan.

Rob Gronkowski, ídolo do New England Patriots que se aposentou nesta offseason, deixou claro que não planeja retornar à NFL “em um futuro próximo”, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

“Talvez mais adiante na estrada. Eu tenho que ter essa paixão. Eu tenho que ter esse fogo. Eu não vou sair lá e ser batido. Esse não é jeito de viver”, frisou.

Gronk disse que está “curtindo a vida” fora do futebol americano e está, finalmente, sem dores, observando que a lesão no quadríceps sofrida durante o Super Bowl o convenceu que ele deveria encerrar sua carreira na NFL.

– No Atlanta Falcons, o técnico Dan Quinn disse que, a menos que haja uma objeção dos médicos do time, o right tackle Kaleb McGary no último jogo de pré-temporada contra o Jacksonville Jaguars.

“Ele teve uma ótima semana. Eu sei que ele está animado. Estou animado para vê-lo também”, afirmou o head coach.

O calouro selecionado na primeira rodada do draft de 2019 passou por uma cirurgia de ablação cardíaca no dia 31 de julho e ainda não jogou na pré-temporada.

– No Tennessee Titans, o running back Derrick Henry disse aos repórteres que estará pronto para a estreia do time na temporada contra o Cleveland Browns. O jogador tem estado limitado por uma lesão na panturrilha desde o começo do training camp.

– O Baltimore Ravens fechou com o defensive back Fish Smithson.

– O Kansas City Chiefs contratou o quarterback Matt Moore e colocou o fullback John Lovett na injured reserve. O técnico Andy Reid disse que Moore não vai atuar no último jogo de pré-temporada contra o Green Bay Packers, segundo o ‘Kansas City Star’.

– O Cleveland Browns dispensou o wide receiver Jaelen Strong.

– O Minnesota Vikings dispensou o cornerback Bene Benwikere e o wide receiver Jordan Taylor.

– O Detroit Lions fechou com o quarterback Luis Perez. A equipe também dispensou o quarterback David Fales e o running back Zach Zenner, que estava no time há quatro temporadas.

– No Buffalo Bills, o técnico Sean McDermott disse aos repórteres que o center Mitch Morse está progredindo, mas ele segue no protocolo de concussão. O head coach observou que o veterano esteve presente em atividades de 11 contra 11.

– No Indianapolis Colts, o técnico Frank Reich disse aos repórteres que o wide receiver Parris Campbell (músculo posterior da coxa) treinou na segunda e que há uma boa chance que ele atue contra o Cincinnati Bengals na quinta, no último compromisso da equipe na pré-temporada.

– No Denver Broncos, o técnico Vic Fangio disse que acha que o right guard Ronald Leary (tendão de Aquiles) será capaz de atuar na estreia da franquia do Colorado na temporada.

Fangio falou que o tight end Jake Butt não vai treinar nesta semana. Butt está lidando com dores no joelho e pode ficar fora por algum tempo.

– No Houston Texans, o wide receiver Keke Coutee não deve atuar na estreia do time na temporada 2019 contra o New Orleans Saints devido a uma entorse no tornozelo, como disse o técnico Bill O’Brien aos repórteres.

– No New York Giants, o técnico Pat Shurmur disse que o wide receiver Alex Wesley está lidando com um problema no tornozelo, enquanto que o tackle Nate Solder recebeu liberação das atividades por motivos pessoais.

– O Pittsburgh Steelers trouxe o cornerback Jhavonte Dean.

– No Arizona Cardinals, o técnico Kliff Kingsbury disse aos repórteres que o linebacker Haason Reddick retornou aos treinos nesta terça, mas participou de forma limitada. Reddick passou por um procedimento no menisco em julho e ainda é dúvida para a semana 1.

– No Dallas Cowboys, o técnico Jason Garrett acredita que o offensive tackle La’el Collins estará pronto para a semana 1.

– O Chicago Bears colocou o tackle T.J. Clemmings (quadríceps) na injured reserve.

Comments
To Top