NFL

Dirk Koetter não define quem será seu quarterback titular na semana 4

Ryan Fitzpatrick, quarterback do Tampa Bay Buccaneers

(Crédito: Twitter/reprodução)

Depois de conferir uma atuação de muitos altos e baixos de seu quarterback Ryan Fitzpatrick durante a derrota por 30 a 27 para o Pittsburgh Steelers, no Monday Night Football, o técnico Dirk Koetter não definiu quem será seu signal caller titular para a semana 4 da temporada 2018 da National Football League.

Vale lembrar que Jameis Winston pode voltar ao time depois de cumprir suspensão de três jogos imposta pela liga.

“Vamos ver o que o relatório de lesões (diz quando) voltarmos. Sempre que temos esses jogos, nem sempre é óbvio como como os caras vão vir no dia seguinte ou na quarta-feira. Vamos ver o que acontece. Eu adoraria ter a chance de falar com Jameis cara a cara antes de eu falar ao resto do mundo”, afirmou o head coach em sua coletiva pós-jogo.

A boa atuação de Fitzpatrick na segunda metade do jogo contra os Steelers podem ter sido decisivas na briga pela vaga de titular para a próxima semana da temporada.

Depois de ir muito mal nos primeiros dois quartos, lançando três interceptações em campanhas consecutivas e sendo grande responsável pela desvantagem dos Bucs de 30 a 10 no intervalo, FitzMagic (ou seria FitzTragic?) se recuperou nos dois quartos finais.

O quarterback barbudo de 35 anos de idade fechou a partida com 30 passes certos de 50 para 411 jardas, três touchdowns e três interceptações, além de cinco corridas para 27 jardas.

No todo, substituindo Winston nas primeiras três semanas, Fitzpatrick fez mais do que o suficiente para provar a Koetter que merece continuar a ser o líder de ataque da franquia da Flórida.

Ele liderou o time em duas vitórias convincentes sobre New Orleans Saints (48 a 40) e sobre Philadelphia Eagles (27 a 21) antes do revés para os Steelers. E Fitzpatrick lançou para mais de 400 jardas nestes três jogos.

Até agora, o camisa 14 acertou 70,3% de seus lançamentos (78 de 111) para 1.230 jardas, 11 touchdowns e quatro interceptações. E ele também anotou um TD corrido.

Sem decisão anunciada ainda, Koetter acredita que Winston, voltando de suspensão nesta terça (25), vai aceitar o que quer que ele determine.

“Nós amamos Jameis. Ele é um membro do nosso time e está ansioso para voltar. Ele vai ser ótimo em nosso vestiário. E eu conheço Jameis – em qualquer papel que ele acabe – sei que ele vai abraçar essa função e vai dar tudo o que ele tem”, finalizou Dirk Koetter.

Nos próximos dias, antes do jogo de domingo (30) contra o Chicago Bears, saberemos quem será o signal caller titular dos Bucs.

Comments
To Top