NFL

Datone Jones, dos Packers: “Aaron Rodgers é um gênio”

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

A temporada 2015 de Aaron Rodgers é algo que precisa ser estudado urgentemente. Vindo de um 2014 brilhante aonde foi o MVP, o quarterback teve que trabalhar todo o ano sem Jordy Nelson, seu principal recebedor. Para compensar a falta de Nelson, Rodgers correspondeu jogando muito, especialmente em setembro, talvez seu melhor mês na carreira.

“Eu nunca vi um quarterback pegando tanto fogo enquanto joga,” declarou Troy Aikman, Hall da Fama e atualmente analista da Fox americana, após partida contra o San Francisco 49ers na semana 4. “Os lugares aonde ele coloca a bola e sua visão de campo são inigualáveis”.

Não foram poucos os comentaristas de futebol americano que comparam o sua inteligência em campo a de Michael Jordan durante os anos 90.

Quem também rasgou elogios a Rodgers foi o defensive end dos Packers Datone Jones, que disse um pouco como é conviver com o quarterback.

“Ele é um gênio. Aaron Rodgers é um gênio,” declarou Jones. “Ele é um cara esperto. Ano passado ele ganhou o Jeopardy (jogo de perguntas e respostas) de celebridades. Esse é ele no vestiário. Um cara que vai te desafiar mentalmente… ele é extremamente inteligente. Conhece defesas, ele ensina os recebedores sobre defesa”.

A inteligência de Rodgers é conhecida por toda a liga. Toda entrevista sua é uma grande surpresa, com o jogador mostrando sempre uma língua afiada e grande conhecimento sobre assuntos variados.

Rodgers tem, desde 2012, 12 touchdowns em jogadas “livres” aonde enganou defesas a cometerem faltas de offside e encroachment. Nenhum outro quarterback tem mais de três neste período.

Aikman já declarou que as vezes sente que quando Rodgers joga, parece que ele joga xadrez enquanto todos os outros em campo jogam damas.

Muito por conta disso, Rodgers operou diversos milagres nos últimos anos, incluindo duas Hail Mary em momentos crucais de partidas.

O mais bizarro de tudo, é que seus companheiros de Packers já se acostumaram com esse tipo de coisa.

“Você sabe o que é a coisa mais bizarra? Eu olho nos olhos de todos antes da última jogada,” disse Jones durante entrevista. “E eu posso dizer que ninguém tem dúvidas que nós vamos agarrar essa bola e pontuar. Porque nós já vimos uma vez. Vimos acontecer uma vez. Nós sabíamos que poderíamos ganhar o jogo sem tempo no relógio. E nós fizemos isso”.

 

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top