NFL

Daniel Jones é nomeado novo QB titular do New York Giants; veja mais transações

Daniel Jones, quarterback do New York Giants

A era Eli Manning no New York Giants chegou ao fim (pelo menos em partes) nesta terça-feira (17). A franquia nova-iorquina anunciou que o calouro Daniel Jones será o quarterback titular da equipe a partir da semana 3 da temporada 2019 da National Football League.

A decisão faz com que Eli, duas vezes MVP do Super Bowl, agora seja reserva e mentor do jovem signal caller, selecionado com a sexta escolha geral do draft deste ano.

“Eli e eu conversamos nesta manhã. Eu disse a ele que estamos fazendo uma mudança e indo com Daniel como titular. Também falei com Daniel. Eli ficou obviamente desapontado, como você esperaria, mas ele disse que seria o que ele sempre foi, um bom companheiro de equipe, e continuaria a se preparar para ajudar esse time a vencer jogos. Daniel compreende o desafio em mãos, e ele estará pronto para atuar no domingo”, falou o head coach Pat Shurmur, em nota oficial.

A notícia é confirmada um dia depois que o técnico deixou em aberto a possibilidade de uma mudança de QBs.

Com o NY Giants tendo um início de campanha ruim de 0-2, tornou-se insustentável manter Manning como quarterback. E a era Daniel Jones vai iniciar mais cedo do que muitos esperavam, já neste domingo (22) contra o Tampa Bay Buccaneers.

Depois de ser muito criticado ao ser selecionado com uma escolha tão alta em abril, Jones mostrou serviço na pré-temporada, completando 85,3% de seus 34 passes para 416 jardas, dois touchdowns, nenhuma interceptação e uma média de 12,2 jardas por tentativa.

Os fumbles foram o maior problema do calouro na preseason e em sua breve aparição na semana 1 da temporada regular, já que ele cometeu três e perdeu dois.

Na pré-temporada, o jovem demonstrou precisão em todos os níveis do campo, capacidade de se portar no pocket, mobilidade e boa destreza mental para ser bem-sucedido sob pressão.

É a segunda vez nos últimos três anos que os Giants mandam Manning para o banco de reservas. Em 2017, o então técnico Ben McAdoo tentou fazer uma mudança e mandar Eli para o banco no meio da temporada, nomeando Geno Smith como titular e encerrando a sequência de Eli Manning de jogos consecutivos como titular. Mas a mudança durou apenas uma semana e Eli voltou a ser o titular.

Eli Manning é o sétimo na história da NFL em jardas passadas, oitavo em passes para touchdown e o sexto em passes completados e passes lançados.

Confira mais movimentações na NFL nesta terça (17):

– A passagem de C.J. Anderson pelo Detroit Lions chegou ao fim. A franquia anunciou a dispensa do running back veterano e trouxe Paul Perkins para o elenco.

Os Lions fecharam um contrato de um ano de duração com Anderson em abril, depois de o atleta ressurgir com o L.A. Rams na reta final da temporada passada. Anderson se juntou aos Rams depois que Todd Gurley sofreu uma lesão no joelho em dezembro e ajudou bastante o time a chegar até o Super Bowl.

C.J. Anderson terminou a temporada 2018 com os Rams com 488 jardas corridas e quatro touchdowns em apenas cinco jogos. Já em Detroit, ele somou apenas 43 jardas em 16 carregadas ao longo de dois jogos.

Também nos Lions, o time contratou o quarterback Jeff Driskel, ex-reserva do Cincinnati Bengals. Em decisão correspondente, a organização de Michigan dispensou o quarterback reserva Josh Johnson.

– Depois dos erros no último domingo e de sua declaração misteriosa, o kicker Adam Vinatieri confirmou que nunca pensou em se aposentar no meio desta temporada. O jogador do Indianapolis Colts, atualmente em sua 24ª temporada na NFL, deixou claro que está se preparando para a semana 3 e que pretende deixar para trás os erros das duas primeiras semanas.

“Nenhum de nós deveria presumir as coisas”, disse Vinatieri a um grupo de repórteres nesta terça, indicando que pendurar as chuteiras nunca esteve em sua cabeça, segundo Jim Ayello, do jornal ‘IndyStar’. “Algumas vezes, todos nós precisamos de um pouco de tempo para descomprimir e pensar nas coisas. Um pouco de tempo para limpar a cabeça. (…) Vou voltar e continuar a trabalhar. Eu sempre sou o meu pior crítico. Hora de chegar lá e ajudar meu time a vencer os jogos”, completou.

– Com problemas em sua linha ofensiva, o New England Patriots adicionou opção ao setor e contratou Caleb Benenoch, segundo informações de Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. O time confirmou a contratação pouco depois.

O ex-offensive lineman do Tampa Bay Buccaneers tinha nove pedidos de times para realizar treinos, mas ele queria jogar pelo treinador Dante Scarnecchia, um mestre de linhas ofensivas.

– O Pittsburgh Steelers contratou o quarterback Paxton Lynch para seu elenco de treinamento (practice squad), como anunciou a equipe. Após perder o titular Ben Roethlisberger por todo o restante da temporada devido a uma lesão grave no cotovelo, os Steelers estavam precisando de opções para o grupo de QBs.

– Com o tight end Hunter Henry afastado devido a uma lesão no joelho, o Los Angeles Chargers anunciou nesta terça que fechou com o tight end Lance Kendricks. Para abrir espaço no elenco, a franquia californiana colocou o safety Adrian Phillips na injured reserve devido a uma fratura no antebraço direito.

Os Chargers também dispensaram o wide receiver Andre Patton e recontrataram o defensive end Chris Peace.

Kendricks passou as temporadas 2017 e 2018 no Green Bay Packers, após seis temporadas nos Rams. Em oito temporadas na liga, ele soma 2.505 jardas recebidas e 19 touchdowns.

– O Dallas Cowboys está fazendo testes com o safety Josh Jones, ex-Green Bay Packers, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. E, dada a lesão com o wide receiver Michael Gallup, a franquia texana está recebendo Quincy Adeboyejo e DeMarkus Lodge para visitas.

– O Atlanta Falcons está testando o linebacker Carroll Phillips, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

E, nesta terça, os Falcons anunciaram as contratações do offensive lineman Nate Wozniak e do punter Matt Wile para o elenco de treinamento (practice squad), além das dispensas do defensive end Austin Larkin e do tight end Carson Meier.

– O New York Jets, que mandou o cornerback Trumaine Johnson para o banco de reservas no último Monday Night Football, está recebendo o cornerback e special teamer Kayvon Webster para uma visita, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– Com Derrius Guice fora, o Washington Redskins está recebendo os running backs De’Angelo Henderson e Josh Ferguson para visitas.

– O Green Bay Packers anunciou a contratação do cornerback Tremon Smith, ex-Kansas City Chiefs. Smith atuou em 14 jogos pelos Chiefs no ano passado, sua temporada de calouro. Smith foi um grande retornador de chutes no ano passado, quando teve média de 26,8 jardas em 33 retornos.

Comments
To Top