NFL

Com virada no final, time da AFC derrota NFC no Pro Bowl 2018

Alex Smith, quarterback do Kansas City Chiefs

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Pro Bowl 2018 foi disputado na noite deste domingo (28), uma semana antes do Super Bowl, como já é tradicional, e com bela atuação de Delanie Walker, o time da Conferência Americana (AFC) conseguiu uma virada incrível e venceu pelo placar de 24 a 23.

A partida, disputada no Camping World Stadium, em Orlando, na Flórida, teve momentos emocionantes e divertidos. Ainda assim, novamente não podemos negar que o jogo das estrelas da NFL não é algo que empolgue demais. E seguimos tentando pensar em soluções para melhorar o Pro Bowl.

Dentro de campo, contudo, o que houve foi uma bela virada. O time da NFC foi ao vestiário vencendo pelo placar de 20 a 3, mas caiu absurdamente de produção na segunda metade do jogo, anotando apenas três pontos nos últimos dois quartos, e cedeu a virada.

A NFC abriu o placar com 7min50s remanescentes no primeiro quarto, em passe para touchdown de oito jardas de Drew Brees, astro do New Orleans Saints, para Adam Thielen, wide receiver do Minnesota Vikings.

Nos segundos finais do quarto inicial, o kicker Chris Boswell, do Pittsburgh Steelers, colocou um field goal de 41 jardas no meio das traves e fez os primeiros três pontos da AFC.

No segundo quarto, só deu NFC. Primeiro, o kicker Graham Gano, do Carolina Panthers, acertou um field goal de 43 jardas para amplia a folga para 10 a 3. Na sequência, Harrison Smith, safety dos Vikings, interceptou Ben Roethlisberger e retornou 79 jardas até a end zone para anotar o TD. Ainda houve tempo para mais um field goal de Gano, de 40 jardas, que deixou o placar em 20 a 3 antes do intervalo.

A reação da AFC começou logo no terceiro quarto. O quarterback Alex Smith, do Kansas City Chiefs, conectou passe com o tight end Delanie Walker, do Tennessee Titans, e o lançamento de quatro jardas para TD reduziu a diferença para 20 a 10. Ainda no penúltimo quarto, a 5min36s do final, o running back LeSean McCoy, do Buffalo Bills, anotou um touchdown corrido de duas jardas para trazer a desvantagem da AFC para apenas três pontos (20 a 17).

No comecinho do quarto final, Gano acertou mais um field goal, de 38 jardas, e ampliou a folga da NFC para seis pontos (23 a 17). Contudo, a 1min31s do término, o quarterback Derek Carr, do Oakland Raiders, resolveu a parada e acertou passe de 18 jardas para touchdown de Delanie Walker. O segundo TD do TE dos Titans no jogo garantiu a vitória da AFC sobre a NFC por 24 a 23.

Além de Walker, que fez quatro recepções para 29 jardas e dois TDs, outros destaques da AFC foram os quarterbacks Alex Smith (7/10, 131 jardas, um TD e uma INT) e Derek Carr (11/15, 115 jardas, um TD e uma INT), além do outside linebacker Von Miller, do Denver Broncos. O defensor saiu de campo com três tackles totais, um sack, um passe desviado e duas pancadas nos QBs.

Do lado da NFC, o melhor quarterback foi Drew Brees, que acertou sete passes de nove para 66 jardas e um touchdown. O wide receiver Adam Thielen recebeu para o único TD do jogo e fez três recepções para 25 jardas no total. Harrison Smith foi bem com sua interceptação retornada para TD e o cornerback Patrick Peterson, do Arizona Cardinals, adicionou mais duas interceptações.

Comments
To Top