NFL

Clay Matthews fica irritado com falta de ‘roughing the passer’ crucial

Clay Matthews, linebacker do Green Bay Packers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O linebacker Clay Matthews, do Green Bay Packers, aceitou a responsabilidade pela falta de roughing the passer que quase custou uma vitória sobre o Chicago Bears, na semana 1. Contudo, nesta semana 2, contra o Minnesota Vikings, o defensor da franquia de Wisconsin teve um sentimento bem diferente.

Neste domingo (16), uma falta cometida por Matthews em cima do quarterback Kirk Cousins, dos Vikings, anulou uma interceptação que teria praticamente garantido uma vitória de Green Bay.

Entretanto, os Vikings empataram o jogo, forçaram a prorrogação e a igualdade persistiu até o final, com 29 pontos para cada lado.

Matthews foi penalizado por uma pancada em cima de Cousins pouco depois de o signal caller dos Vikings lançar um passe longo que acabou sendo interceptado pelo cornerback calouro Jaire Alexander, dos Packers.

A interceptação, caso não tivesse sido anulada pela falta de Matthews, teria dado a bola de volta aos Packers com 1min37s remanescentes no jogo e uma vantagem de 29 a 21. Em vez disso, Cousins fechou a campanha com um passe para TD de 22 jardas conectado com o wide receiver Adam Thielen e ainda houve uma conversão de dois pontos para empatar a partida.

“Eu tantas emoções em relação ao que foi uma marcação terrível. Ao mesmo tempo, eu não sei mais o que fazer. Não sei. Se vocês souberem, me falem. Eu coloquei pressão sobre ele? Eu achei que eu o acertei no tronco, tirei a minha cabeça, coloquei minhas mãos para baixo. Marcar isso naquele ponto do jogo é inacreditável”, disse Matthews. “Na semana passada, OK, que vergonha para mim. Nesta semana, é inacreditável. A pior parte é que provalmente vamos mandar para eles (NFL) e sabe o que eles vão dizer? Vão me criticar porque vão concordar com os árbitros. Eu não sei. É uma marcação difícil de aceitar”, prosseguiu.

O camisa 58 dos Packers não parou por aí em suas declarações.

“Você vê como mudou o jogo. Eu sei que há uma ênfase em proteger quarterbacks, mas está fora de controle. Eu não sei mais o que fazer. É frustrante porque a interceptação de Jaire, isso ganha o jogo, certo? Em vez disso, eles descem e marcam, prorrogação, isso e aquilo”, observou. “Nós tivemos oportunidades de ganhar o jogo, sem dúvidas, mas é frustrante permitir uma marcação na qual eu sinto que fiz a coisa certa para influenciar no jogo. Eu não sei. Estou tentando morder a minha língua, mas obviamente não concordo com isso”, completou.

Tony Corrente, árbitro do jogo, explicou à ‘ESPN’ o que ele viu.

“Quando (Matthews) atingiu o quarterback, ele o levantou e o jogou no chão”, falou o árbitro.

O técnico Mike McCarthy, dos Packers, disse logo na abertura de sua coletiva pós-jogo que “não estava realmente interessado em responder perguntas sobre arbitragem ou essas bobagens”.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top