NFL

Bradley Chubb vai perder restante da temporada dos Broncos; veja boletim de lesões

Bradley Chubb, linebacker do Denver Broncos

O linebacker Bradley Chubb, do Denver Broncos, rompeu parcialmente o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e vai perder o restante da temporada 2019 da franquia do Colorado.

O técnico Vic Fangio confirmou que Chubb, selecionado com a quinta escolha geral do draft de 2018, sofreu a contusão grave durante a derrota por 26 a 24 para o Jacksonville Jaguars, neste último domingo.

“É uma perda enorme. Ele é um dos nossos melhores jogadores, obviamente. Ele é um criador de ritmo, uma ótima pessoa, um grande líder”, falou Fangio, nesta segunda.

Fangio disse que Chubb sentiu desconforto em seu joelho na manhã desta segunda e passou por uma ressonância magnética, que revelou a ruptura parcial. O outside linebacker saiu do jogo de domingo em duas oportunidades, primeiramente depois de sentir a panturrilha e, depois, devido a uma lesão no joelho. Ele voltou ao time para encerrar a partida.

“Ele se sentiu bem o suficiente para voltar, e na verdade jogou esta última série muito bem”, frisou o head coach.

Chubb sofreu a contusão com pouco mais de 14 minutos remanescentes, quando ele estava engajado com o tight end Geoff Swaim, dos Jaguars, durante uma jogada de corrida feita pelo running back Ryquell Armstead. No total, ele atuou em 74 dos 85 snaps defensivos dos Broncos.

Em termos de recuperação, Chubb terá um companheiro para ajudá-lo. Von Miller, principal pass rusher dos Broncos, rompeu o ligamento cruzado anterior em dezembro de 2013 e somou pelo menos 10 sacks em cada uma das próximas cinco temporadas posteriores.

Confira mais notícias dos departamentos médicos da NFL nesta segunda (30):

– O quarterback Sam Darnold está de volta aos treinos do New York Jets. O técnico Adam Gase disse aos repórteres nesta segunda que o QB foi liberado para participar de atividades sem contato. O signal caller voltou a lançar passes nesta segunda.

Apesar de ser um progresso, não é o progresso que os Jets estavam esperando.

“Eu sei que não é a resposta clara e esperava que estávamos esperando, mas a parte positiva é que dá chance de colocá-lo nos treinos e ser capaz de passar por todas essas coisas – ele só não pode ter qualquer contato”, frisou Gase.

Darnold está afastado desde o começo da semana 2, após ser diagnosticado com mononucleose. Ele foi liberado para atividades aeróbicas na semana passada, mas ainda está aguardando mais exames para ser gradativamente liberado para fazer outras coisas.

Também nos Jets, o defensive tackle calouro Quinnen Williams está “pronto” depois de lutar contra uma lesão no tornozelo, enquanto que os linebacker C.J. Mosley (virilha) e Jordan Jenkins (panturrilha) não devem treinar na quarta.

– O quarterback Mitchell Trubisky, do Chicago Bears, passou por testes em seu ombro esquerdo nesta segunda e sua disponibilidade para as semanas seguintes é incerta.

O jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou que Trubisky sofreu um deslocamento no ombro esquerdo durante a vitória de domingo sobre o Minnesota Vikings, mas não houve muitos danos adicionais à junta e não há planos para cirurgia neste momento. Contudo, é duvidoso que o QB possa atuar nesta semana, em Londres, contra o Oakland Raiders.

O técnico Matt Nagy, dos Bears, não deu nenhuma informação adicional sobre a contusão de Trubisky em sua conversa com os repórteres nesta segunda, limitando-se a dizer “nós vamos saber mais aqui ao longo do dia”.

Em outra notícia relacionada ao elenco dos Bears, Nagy foi bombardeado com perguntas relacionadas à ausência do linebacker Roquan Smith na vitória sobre os Vikings, mas o head coach repetidamente chamou a situação de Smith como “problema pessoal”, sem entrar em mais detalhes.

– No Buffalo Bills, o técnico Sean McDermott disse nesta segunda que ele está preparando Matt Barkley para ser o quarterback titular no final de semana, contra o Tennessee Titans, enquanto o time aguarda mais exames em Josh Allen, que segue no protocolo de concussão.

Allen ficou afastado durante quase todo o último quarto da derrota por 16 a 10 para o New England Patriots, depois de tomar uma pancada na cabeça durante uma jogada de corrida, e Barkley comandou as três campanhas ofensivas finais do time de Buffalo.

– No Dallas Cowboys, exames confirmaram que o offensive tackle Tyron Smith sofreu uma entorse no tornozelo direito durante a derrota no Sunday Night Football para o New Orleans Saints. O left tackle será avaliado semana a semana, de acordo com o técnico Jason Garrett.

Smith sofreu a lesão na primeira jogada da última campanha ofensiva dos Cowboys, quando foi atingido por trás na região do tornozelo enquanto o quarterback Dak Prescott estava sofrendo um sack dado por David Onyemata, dos Saints. O tackle dos Cowboys conseguiu andar mancando até a lateral do campo antes de ser levado até o vestiário de carrinho-maca.

Segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, Smith pode perder apenas um jogo devido à lesão.

Também nos Cowboys, o defensive end DeMarcus Lawrence sofreu uma pancada no ombro direito no final da derrota para os Saints, mas a lesão não deve mantê-lo afastado nesta semana. E o safety reserva Kavon Frazier sofreu uma ruptura no músculo peitoral e vai para a injured reserve, segundo Garrett.

– No New York Giants, o linebacker calouro Ryan Connelly vai perder o restante de sua primeira temporada na NFL, após apenas quatro jogos. O time anunciou que o jogador, selecionado na quinta rodada, sofreu uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho durante a vitória sobre o Washington Redskins.

Fazendo seu terceiro jogo seguido como titular, o inside linebacker somou sua segunda interceptação. Connelly também tem dois tackles para perda de jardas, incluindo um sack e 20 tackles no total.

Apesar desta má notícia, os Giants também têm uma boa notícia. O wide receiver Golden Tate, que cumpriu uma suspensão de quatro jogos por violar a política de substâncias para melhoria de desempenho, retornou às instalações da equipe. O veterano, que está em seu 10º ano na NFL, pode fazer sua estreia nesta temporada no final de semana contra os Vikings.

– O Pittsburgh Steelers anunciou os seguintes inativos para o Monday Night Football: o fullback Roosevelt Nix (joelho), o linebacker Anthony Chickillo (pé), o guard Fred Johnson, o offensive tackle Chukwuma Okorafor, o tight end Vance McDonald (ombro), o defensive end Isaiah Buggs e o linebacker Vince Williams (músculo posterior da coxa).

– O Cincinnati Bengals teve os seguintes inativos para o MNF contra os Steelers: o defensive end Carl Lawson (músculo posterior da coxa), o defensive end Kerry Wynn (concussão), o defensive tackle Ryan Glasgow (coxa), o halfback Trayveon Williams, o offensive tackle Cordy Glenn (concussão), o wide receiver A.J. Green (tornozelo) e o quarterback Jake Dolegala.

O wide receiver A.J. Green, que vem perdendo esse começo de temporada devido a uma lesão no tornozelo sofrida no começo do training camp, tem uma consulta médica agendada para o final desta semana e não deve jogar no domingo contra o Arizona Cardinals, segundo Tom Pelissero, da ‘NFL Network’. A condição de Green para além da semana 5 é uma dúvida.

Durante a derrota para os Steelers, no MNF, o wide receiver Josh Ross saiu do jogo no último quarto com uma lesão no ombro direito.

– No Green Bay Packers, o técnico Matt LaFleur disse que o wide receiver Davante Adams (dedo do pé) está sendo avaliado dia a dia. Adams se lesionou no final da derrota para o Philadelphia Eagles, no último Thursday Night Football.

– No Los Angeles Chargers, o defensive end Melvin Ingram “deve ficar afastado por algum tempo com uma lesão no músculo posterior da coxa, provavelmente algumas semanas”, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– No Carolina Panthers, o técnico Ron Rivera disse que espera que o quarterback Kyle Allen seja titular novamente no domingo contra o New Orleans Saints, acrescentando que ainda não há prazo para o retorno de Cam Newton (pé).

– No Philadelphia Eagles, o cornerback Avonte Maddox foi diagnosticado com uma entorse no pescoço. Ele foi removido de campo no final da vitória sobre o Green Bay Packers, no último TNF. Ele será avaliado semana a semana e deve perder alguns jogos, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– No Detroit Lions, o técnico Matt Patricia disse que o tight end T.J. Hockenson está no protocolo de concussão.

– No Los Angeles Rams, o cornerback Marcus Peters teria sido um participante sem limitações no treinamento desta segunda, depois de sofrer uma lesão no rosto durante a derrota para o Tampa Bay Buccaneers. O relatório de lesionados é estimado, já que os Rams folgam nesta segunda. Já o safety Taylor Rapp não teria treinado depois de lesionar o tornozelo no mesmo jogo.

– No Seattle Seahawks, o running back Rashaad Penny (músculo posterior da coxa) treinou normalmente. Ele não atua em uma partida desde a semana 2.

————————————————————————————————————————————————————

Você que chegou até aqui merece uma dica de sucesso. 

Quinto Quarto é um associado da Amazon e oferece o Amazon Prime, com frete grátis de produtos Amazon e mais filmes e séries – como o All or Nothing, que acompanha as temporadas de Carolina Panthers, Manchester City e outras equipes. Clique no link, conheça o produto, que custa apenas R$ 9,90 por mês e ajude o Quinto Quarto no processo. Ainda tem um teste grátis para você que é mais pão duro que os integrantes do Quinto Quarto.

Comments
To Top