Butt Fumble

Charlie Whitehurst paga mico e perde camisa 6 para punter Brett Kern em queda de braço

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

Veterano na NFL, Charlie Whitehurst jamais passou de um bom quarterback reserva na liga. Apesar disso, a marca registrada do ‘Clipboard Jesus’, apelido que ganhou por conta de seus longos cabelos, sempre foi a camisa 6, número que o acompanhou desde os tempos de San Diego Chargers. Porém, quando chegou ao Tennessee Titans, em março deste ano, ele percebeu que a camisa 6 já era do punter Brett Kern. O que faria Charlie para recuperar o tão significativo algarismo? Pagaria a Kern para ceder a camisa, como fazem vários jogadores da liga, certo? Errado.

Whitehurst decidiu ‘apostar’ a camisa 6 em uma queda de braço contra Kern. E claro que o quarterback, jogador que faz dos braços sua principal ferramenta de trabalho, levou a melhor, certo? Errado novamente. Charlie acabou pagando um grande mico e perdeu para Brett Kern o direito de usar o 6, tendo que se contentar com a camisa 12.

Assim feito, o quarterback reserva dos Titans postou uma foto da camisa 12 de treino em sua conta oficial no Instagram e confessou a humilhante derrota: “Lutei na queda de braço pela camisa 6 e perdi #foiumaboajornada6 #13anos”.

Bom, humilhação ou não, Whitehurst foi derrotado pelo punter. Isso aí já diz muito. Bom, pelo menos o número 12 é o mesmo de Tom Brady. Quem sabe isso não… Voltemos à realidade!

Comments
To Top