NFL

Carolina Panthers renova com o tight end Greg Olsen

Greg Olsen, tight end do Carolina Panthers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O tight end Greg Olsen está assinando uma extensão de contrato de dois anos com o Carolina Panthers nesta quinta-feira (26), segundo informações de Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana.

Segundo Schefter, o novo contrato tem valor de US$ 8,55 milhões por temporada, com um valor máximo anual que pode chegar a US$ 10,05 milhões dependendo de incentivos por produtividade.

Olsen estava entrando na temporada final de uma extensão de três anos que ele assinou em março de 2015.

No mês passado, o tight end fez entrevista para o cargo de comentarista do Monday Night Football que, antes, era ocupado por Jon Gruden, atual técnico do Oakland Raiders.

Recentemente, o veterano disse à ‘ESPN’ que desejava acertar uma extensão com os Panthers e que desejava encerrar sua carreira na franquia da Carolina do Norte.

Atualmente com 33 anos de idade, Olsen perdeu nove jogos na temporada 2017 devido a uma fratura no pé sofrida na semana 2.

Foi a primeira vez desde sua temporada de calouro com o Chicago Bears que ele perdeu um jogo e a primeira vez desde que chegou aos Panthers, em 2011, que ele não foi titular em uma partida. Isso é uma mostra de sua durabilidade.

Olsen é o único tight end da história da National Football League a ter três temporadas consecutivas (2014 a 2016) com, pelo menos, 1.000 jardas recebidas.

Os Panthers chegam à renovação com Olsen horas antes do início do draft de 2018, o que é interessante. Agora, os Panthers não devem mais estar pensando em selecionar um TE com a 24ª escolha geral.

De acordo com uma fonte consultada pela ‘ESPN’, contudo, “nada está fora de cogitação”, incluindo um tight end na primeira rodada.

Apesar disso, os Panthers têm necessidades maiores como safety, wide receiver e um center/guard.

Comments
To Top