NFL

Carolina Panthers fecha novo contrato de três anos com safety Eric Reid

Eric Reid, safety do Carolina Panthers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O safety Eric Reid vai permanecer no Carolina Panthers e ele assinou um novo contrato de três anos com a franquia da Carolina do Norte nesta segunda-feira (11).

Segundo o jornalista Michael Silver, da ‘NFL Network’, o acordo tem valor de mais de US$ 22 milhões e contém incentivos que podem elevar esse valor a US$ 24 milhões.

Atualmente com 27 anos de idade, Reid ia se tornar um free agent irrestrito em março. Agora, ele tem vínculo com os Panthers até a temporada 2021 da NFL.

Reid, que passou as cinco temporadas anteriores vestindo o San Francisco 49ers, estava desempregado boa parte da temporada 2018 até que os Panthers o contrataram depois que o safety Da’Norris Searcy foi colocado na injured reserve.

Reid foi o primeiro jogador a se juntar a Colin Kaepernick, ex-quarterback dos Niners, no ato de se ajoelhar durante o hino nacional dos Estados Unidos para protestar contra as injustiças sociais e raciais no país.

A NFL Players Association (NFLPA) apresentou uma queixa contra a liga em nome de Reid, em maio, depois de ele não ter sido contratado durante a free agency. A queixa alegava que os donos dos times e a liga, influenciados pelo presidente Donald Trump, conspiraram para impedir que Reid arranjasse um emprego devido aos seus protestos contra a injustiça social antes do The Star-Spangled Banner.

Reid disse após uma derrota para o New Orleans Saints, no dia 17 de dezembro, que ele havia sido selecionado para teste antidoping pela sétima vez desde que assinou com os Panthers no final de setembro. O safety sugeriu que os testes não eram aleatórios, conforme determinado no acordo coletivo de trabalho, e que ele estava sendo alvo por causa de sua queixa de conspiração contra a NFL.

Uma investigação conjunta realizada pela NFL e a NFLPA determinaram que não houve evidência de que ele foi um alvo.

Em 13 jogos com a camisa dos Panthers na temporada 2018, ele somou uma interceptação, um sack, cinco passes desviados e 71 tackles combinados.

“Nós sempre soubemos que ele era um jogador de futebol americano sólido, e ele mostrou para nós”, disse o técnico Ron Rivera ao site oficial dos Panthers.

Comments
To Top