NFL

Carlos Hyde brilha, San Francisco 49ers “zera” Los Angeles Rams e abre temporada com vitória

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

San Francisco 49ers (1-0)  28 x 0  Los Angeles Rams (0-1)

Fator de desequilíbrio: ritmo alucinante do ataque dos 49ers acabou com a agressividade e explosão da defesa dos Rams.

Destaque Quinto Quarto do jogo: Carlos Hyde. Seus cortes laterais provocaram enorme frustração na defesa adversária. Se melhorar na recepção, Carlos pode se tornar a principal arma de San Francisco.

Análise geral dos 49ers: a read option com Gabbert funcionou e a defesa está muito compacta; na maioria das jogadas, mais de quatro jogadores dos 49ers estavam cobrindo a bola de perto.

Análise geral dos Rams: muitas faltas e nada de variação no ataque. O melhor jogador dos Rams foi o punter Johnny Hekker.

– Resumo da partida

Sem grandes estrelas na posição de quarterbacks, Rams e 49ers prometiam um jogo de muitas corridas. Promessa cumprida, só que a novidade é que Blaine Gabbert sabe achar buracos entre as linhas e correr com a bola. Sua jogada de read option com Carlos Hyde matou a defesa dos Rams, que cansou, tamanha a velocidade do ataque planejado por Chip Kelly. Gabbert consegue esconder a bola no abdômen de Hyde e tirá-la de lá com enorme facilidade. A indecisão da defesa de L.A. gerou o primeiro touchdown da partida: Hyde não foi tackleado por 11 jardas e entrou na end zone.

Veja o primeiro TD de Carlos Hyde na partida

 

Ainda no primeiro tempo, San Francisco anotou mais um TD terrestre. Carlos Hyde estava descansando enquanto Shaun Draughn correu três jardas para abrir 14 a 0. Do outro lado, os Rams se afundavam em faltas; mais de 100 jardas dadas em penalidades. A frustração do time foi simbolizada com a exclusão de Aaron Donald. O defensive tackle é um tremendo jogador, mas cansou, cometeu duas faltas estúpidas e deixou o campo.

No ataque, os Rams também fizeram feio. Claro que a defesa dos 49ers jogou muito (NaVorro Bowman deu um show de cobertura e intensidade), mas fica muito fácil marcar dois jogadores e esquecer o resto. Sério, os Rams possuem duas jogadas: Todd Gurley correndo e Tavon Austin recebendo passes curtos e cortando a marcação. O resto do ataque é nulo e Keenum não consegue usar todas as suas peças. Jared Goff já faz sombra para o titular.

Após o intervalo, o jogo corrido deu lugar ao de passes. Gabbert acertou bons passes, os recebedores derrubaram outros, até que o QB achou Vance McDonald para o terceiro touchdown da noite, o primeiro de Gabbert. Keenum foi para o desespero e colecionou mais duas interceptações na carreira. Para finalizar, Carlos Hyde fechou a conta com seu segundo TD correndo com a bola. Boa estreia de Kelly no comando dos 49ers.

– Estatísticas dos principais jogadores:

Blaine Gabbert: 22/35 nos passes, 170 jardas aéreas e impressionantes 43 jardas terrestres; 1TD.

Case Keenum: 17/35 nos passes, 130 jardas e duas interceptações.

Carlos Hyde: 88 jardas em 23 carregadas e dois TDs.

Todd Gurley: 47 jardas em 17 carregadas.

 

Comments
To Top