NFL

Cam Newton volta a lançar em treinos coletivos; veja boletim de lesões

Cam Newton, quarterback do Carolina Panthers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O quarterback Cam Newton, do Carolina Panthers, deu um passo bem positivo em sua recuperação de cirurgia no ombro, procedimento realizado nesta offseason, e participou neste domingo (13) de uma parte dos treinamentos coletivos mais uma vez.

Ron Rivera, técnico dos Panthers, espera que o camisa 1 esteja disponível para participar dos treinos coletivos nas atividades conjuntas que serão realizadas com o Tennessee Titans, nesta quarta (16) e quinta-feira (17), em Nashville.

Rivera também ressaltou que não há pânico dentro da franquia em relação às chances de Newton estar pronto para a estreia do time na temporada 2017, contra o San Francisco 49ers, no dia 10 de setembro. O treinador também reiterou que não se importaria se o signal caller não atuasse em qualquer um dos jogos de pré-temporada.

“Não há motivo para (pânico). Estamos apenas escutando o que os médicos estão tentando dizer. Eles estão otimistas. Desde que não tenhamos um contratempo, o que não antecipamos, certamente nos sentimos bem em relação ao estágio em que estamos agora. É muito positivo”, falou Rivera.

Em relação ao quanto o QB poderá participar dos treinos conjuntos em Nashville, Rivera ressaltou que tudo vai depender de como o jogador responder na terça, depois da segunda de folga.

“Hoje foi um bom passo, muito positivo. Muitas coisas aconteceram. Estou muito satisfeito com o progresso dele”, pontuou o comandante.

Newton não estava lançando em treinos coletivos antes desta semana desde que o quarterback foi retirado de um treinamento no dia 30 de julho por estar sentindo dores em seu ombro direito e apresentando sinais de fadiga.

Cam Newton completou três de seus quatro passes lançados em uma atividade de red zone, com passes curtos feitos para o tight end Greg Olsen, para o running back Fozzy Whittaker e para o wide receiver Russell Shepard. O quarterback não participou de atividades coletivas que necessitavam de passes longos.

Newton passou por cirurgia para reparar uma ruptura no manguito rotador do ombro direito no dia 30 de março.

Confira outras notícias de lesões deste domingo (13):

– O wide receiver Marqise Lee saiu do treinamento do Jacksonville Jaguars com uma lesão na perna direita que pareceu ser mais grave. Logo depois do treino, o técnico Doug Marrone disse que não sabia da gravidade da contusão do recebedor.

De acordo com os jornalistas Ian Rapoport e Mike Garafolo, da ‘NFL Network’, a lesão não parece ser grave.

Lee estava percorrendo uma rota no meio do campo durante uma atividade de 7 contra 7 quando caiu no campo e, imediatamente, segurou sua perna direita. O linebacker Telvin Smith, que estava marcando Lee, chamou rapidamente a equipe médica.

O wideout teve sua perna imobilizada e foi retirado do gramado de carrinho-maca.

Em outra notícia do departamento médico dos Jaguars, o running back calouro Leonard Fournette perdeu o treino deste domingo devido a uma contusão no pé, mas a franquia disse que a ausência do jogador foi por precaução.

Marrone disse que não acredita que a lesão no pé de Fournette seja séria, mas admitiu que é um problema com o qual o atleta vem lidando há algum tempo. O time tem monitorado a condição do running back e ele não tinha ficado afastado de atividades até agora no training camp, mas Marrone disse que a decisão de deixá-lo de fora do treino deste domingo foi tomada quando o jogador reclamou de dores.

O técnico também não sabe ainda se Fournette vai participar dos treinamentos conjuntos com o Tampa Bay Buccaneers, na segunda e terça-feira.

– O running back Devonta Freeman, do Atlanta Falcons, deixou o treinamento deste domingo no início devido a problemas relacionados ao forte calor e recebeu tratamento intravenoso. Foi a segunda vez que o corredor deixou o treino mais cedo neste training camp, sendo que na primeira vez a saída foi relacionada a um problema estomacal.

Dan Quinn, técnico da franquia da Geórgia, não sabia mais detalhes sobre a saída precoce de Freeman desta vez.

“Ele teve alguma coisa com calor que atingiu ele no primeiro treino e novamente hoje. Eu não tive a chance de entrar e vê-lo ainda, mas vou descobrir”, falou o head coach.

Segundo o AccuWeather, a temperatura ao final do treino estava acima de 32°C, com sensação real superior a 40°C devido à umidade. Alguns jogadores, sobretudo os homens de linha, ficaram apoiados em um joelho durante as atividades devido às condições desgastantes.

– O defensive end Kerry Hyder, do Detroit Lions, foi retirado de campo durante o primeiro quarto do jogo contra o Indianapolis Colts, válido pela pré-temporada, com uma aparente lesão na parte inferior da perna esquerda. A ‘Fox2’, de Detroit, noticiou que Hyder sofreu uma contusão na perna e ele ficou fora do restante da partida.

O técnico Jim Caldwell disse após o jogo que Hyder sofreu uma “lesão significativa no tendão de Aquiles”. O head coach, contudo, não quis especular muito sobre o diagnóstico até que os médicos terminem os exames.

Contudo, uma fonte disse ao jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’ dos Estados Unidos, que os Lions temem que o pass rusher tenha sofrido uma ruptura no Aquiles.

Ao ser questionado se o tendão de Aquiles do defensive lineman estava rompido, Caldwell afirmou que a equipe está esperando uma resposta oficial dos médicos.

“É significativa. Os médicos, essa é a impressão inicial. Quando tivermos algo certo, vamos divulgar. Mas vou dizer a vocês que é significativa”, frisou o treinador.

O wide receiver Jordan Matthews, recentemente adquirido pelo Buffalo Bills em troca com o Philadelphia Eagles, treinou pela primeira vez com a nova equipe neste domingo e ele parece ter sofrido uma lesão no peito.

Ainda não se sabe quando Matthews sofreu a contusão no treino. Ele terminou a sessão e, posteriormente, deixou o campo com ajuda de um médico do time.

Em outra notícia do departamento médico dos Bills, o veterano cornerback Shareece Wright trabalhou no time titular, no lugar do trocado Ronald Darby, mas saiu com uma lesão no polegar direito e não retornou à atividade.

– O wide receiver Markus Wheaton fraturou o dedo da mão durante o treinamento do Chicago Bears neste domingo, como anunciou a franquia de Illinois. Anteriormente, Wheaton ficou afastado de um bom tempo durante o training camp depois de passar por uma apendicectomia.

– O running back Jay Ajayi, do Miami Dolphins, segue no protocolo de concussão, ainda que neste momento seja mais uma coisa de “condicionamento” para ele, como disse o técnico Adam Gase, segundo o jornalista Hal Habib, do ‘Palm Beach Post’.

– O tight end Travis Kelce, do Kansas City Chiefs, voltou aos treinos neste domingo, segundo Matt McMullen, do site oficial do time.

– O cornerback Marshon Lattimore (joelho) e o running back Travaris Cadet (não especificado) estiveram presentes no treino do New Orleans Saints neste domingo, mas não utilizaram pads. As informações são de Herbie Teope, do ‘Times-Picayune’.

– O defensive tackle Fletcher Cox (espasmos nas costas) e o offensive tackle Dillon Gordon (mão) não treinaram com o Philadelphia Eagles neste domingo, segundo Geoff Mosher, da ‘WPEN-FM’.

– O linebacker Sean Spence sofreu uma lesão no músculo posterior da coxa durante o jogo de pré-temporada deste domingo, contra o Detroit Lions, e não retornou ao campo.

– O linebacker Denzel Perryman (tornozelo), do Los Angeles Chargers, saiu de campo no primeiro quarto do jogo deste domingo, contra o Seattle Seahawks, e foi levado ao vestiário. As informações são de Alex Flanagan, da ‘NFL Network’. Ele não retornou ao jogo.

Em outra notícia do DM dos Chargers, o defensive end Jerry Attaochu saiu da partida com uma contusão no músculo posterior da coxa e não voltou.

– O wide receiver Paul Richardson (ombro) e o defensive back Jordan Simone (joelho) sofreram lesões durante o jogo deste domingo, contra o Los Angeles Chargers, segundo o repórter John Boyle, do Seattle Seahawks.

De acordo com o técnico Pete Carroll, dos Seahawks, Richardson sofreu uma lesão na junta acromioclavicular do ombro direito e ficará fora por algum tempo. Já Simone sofreu uma lesão significativa no joelho e pode ser uma ruptura de ligamento cruzado anterior.

Comments
To Top