NFL

Cam Newton: “estou jogando o melhor futebol americano da minha carreira”

Cam Newton, quarterback do Carolina Panthers

(Crédito: Twitter/reprodução)

Na temporada 2015 da National Football League, Cam Newton faturou o prêmio de MVP e ainda levou o Carolina Panthers ao Super Bowl 50. Apesar da vitória do Denver Broncos naquela decisão, o ano de Newton foi muito positivo.

Ainda assim, o astro da franquia da Carolina do Norte acredita que vem tendo seu melhor ano como profissional nesta temporada 2018.

“Honestamente, sinto que estou jogando o melhor futebol americano da minha carreira”, disse Newton nesta semana, segundo a jornalista Jourdan Rodrigue, do jornal ‘Charlotte Observer’. “Direto e reto. Eu simplesmente me sinto no controle. Não há pontos de interrogação. Minha certeza de cada jogada, eu sei exatamente o que devo fazer. (…) É apenas, eu não quero que soe assim, mas conheço o meu valor. Eu sei quem eu sou. (…) Isso é tudo pessoal. E isso vem com a preparação”, observou.

Newton seguiu com sua reflexão: “eu sinto que, quando alguém está no melhor dele e me enfrenta, e eu estou no meu melhor, nós ganhamos. Sabe o que estou dizendo?”.

Ao menos em termos estatísticos, Newton tem razão em considerar a temporada 2018 como a melhor de sua carreira na NFL.

Em 11 jogos até agora, o signal caller completou 69,6% de seus passes (melhor taxa de sua carreira com sobras) para 2.699 jardas, 22 touchdowns e sete interceptações. Seu passer rating é de 103.7, também o melhor de sua carreira até agora.

Conhecido por ser um quarterback móvel, o camisa 1 dos Panthers também correu 85 vezes para 417 jardas e quatro touchdowns.

A melhoria de desempenho é, em grande parte, devido ao novo coordenador ofensivo Norv Turner, que prometeu trabalhar no jogo aéreo do QB.

Com um ataque formado por grandes peças como o running back Christian McCaffrey e os wide receivers D.J. Moore e Curtis Samuel, os Panthers têm conseguido fazer com que Newton se livre da bola rapidamente. Isso aumenta a eficiência do líder de ataque.

A questão agora é que a melhoria de desempenho de Newton não tem garantido vitórias, com o time atualmente em meio a uma sequência de três derrotas e com campanha seis vitórias e cinco derrotas.

“(No passado, quando eu estava jogando o meu melhor), eu fui recompensado com vitórias. Agora, é mais difícil por nós não estarmos ganhando (…) O egoísta de mim teria dito: ‘oh, eu estou bem. Não estamos perdendo por minha causa’. Mas isso não é onde estou agora na minha carreira”, garantiu.

As derrotas recentes dos Panthers vieram porque a defesa, antes um dos pontos fortes do time, desapareceu. Durante a série de três resultados negativos, a defesa dos Panthers contra o passe teve uma taxa de oito touchdowns e nenhuma interceptação, pior da NFL, e cedeu um passer rating de 128.6 de média aos quarterbacks adversários, segunda pior marca da liga entre as semanas 10 e 12, de acordo com o Next Gen Stats.

Assim sendo, Newton deve precisar produzir muito ofensivamente para derrotar o Tampa Bay Buccaneers neste final de semana.

Comments
To Top