NFL

C.J. Spiller é dispensado pelo New York Jets; vejas as manchetes da terça-feira

C.J. Spiller

Crédito: Instagram/reprodução

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O running back C.J. Spiller foi dispensado mais uma vez nessa temporada. O New York Jets dispensou o jogador de 29 anos após a derrota para o Indianapolis Colts por 41 a 10 e cinco depois dele assinar com a franquia nova-iorquina. Em sua curta passagem, Spiller correu para nove jardas e fez uma recepção de sete jardas.

Nessa temporada. C.J. Spiller, que foi ao Pro Bowl em 2012, já foi cortado pelo New Orleans Saints, Seattle Seahawks e Jets.

– Mike Pennel, defensive tackle do Green Bay Packers, foi suspenso por quarto partidas em sua segunda suspensão na temporada. Ele já perdeu as quatro primeiras temporadas da temporada de 2016. O jogador aceitou punição. Ambas suspensões foram por causa de violação da política de substâncias proibidas.

– Rex Ryan, treinador do Buffalo Bills, não quer falar sobre o futuro da equipe e do quarterback Tyrod Taylor.

“Em primeiro lugar, estou satisfeito com Tyrod Taylor, acho que ele nos dá a melhor chance de vencer”, disse Ryan. “Acho que ele é um bom quarterback, mas nosso foco é estritamente em Pittsburgh, então, qualquer coisa além disso. . . eu não acho que seja uma conversa apropriada”.

– O Pittsburgh Steelers continua dando a bola para o running back Le’Veon Bell e eles não estão preocupados com a possibilidade de sofrer fumbles. “Como eu mencionei antes, ele faz um bom trabalho cuidando da bola”.

– O defensive lineman Malik McDowell, de Michigan State, anunciou, em suas mídias sociais, que irá entrar no draft.

– Chuck Pagano, treinador do Indianapolis Colts, expressou a sua felicidade pela vitória sobre o New York Jets. “Foi ótimo, você sabe, porque estivemos em uma enorme seca. Nós conversamos sobre isso e os caras ficaram frustrados, especialmente quando você está com o nosso recorde (6-6)”, disse ele.

– O proprietário Jerry Jones disse que o Dallas Cowboys não irá poupar jogadores nas últimas semanas caso garanta a vantagem de mando de campo. Segundo o dono do time texano, o que poderá acontecer é a equipe optar por não forçar jogadores lesionados a irem para campo.

“A outra parte é óbvia, você não quer perder o seu auge. O jogo de futebol americano é parte da personalidade de uma equipe e você quer que a equipe continue física quando entra nos playoffs”.

– Ron Rivera, head coach do Carolina Panthers, está preocupado com a saúde mental de sua equipe. “Você está preocupado com isso, a saúde mental da equipe”, disse ele. “Estamos decepcionados, nossas expectativas eram altas. Mas essa é a situação que nós estamos e não haverá viradas”.

– Jeremy Hill, running back do Cincinnati Bengals, não conheceu Joe McKnight, que foi assassinado, pessoalmente, mas eles moraram perto na Louisiana. “Ele é como uma lenda popular no Sul da Luisiana”.

– Jeff Fisher, treinador do Los Angeles Rams, tem um recorde negativo, mas ele não vê isso como ruim. “Eu realmente não olho para isso”, disse ele. “Eu tenho poucas vitórias na minha carreira. Eu também tenho a oportunidade de ter uma carreira longa. Você pode olhar o copo como meio cheio ou meio vazio”.

Comments
To Top